Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 18 de junho de 2021
Busca
Brasil

Menino com agulhas no corpo deve deixar hospital em 15 dias

29 Dez 2009 - 17h35Por Folha Online

A assessoria do Hospital Ana Néri, em Salvador (BA), afirmou na manhã desta terça-feira que o menino de dois anos internado desde 13 de dezembro com agulhas no corpo passa bem e deve deixar o hospital em cerca de 15 dias.

De acordo com o hospital, o menino deve permanecer na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da instituição até a próxima quinta-feira (31), quando será transferido para o quarto. Apesar de permanecer na unidade, ele passa bem e já se alimenta normalmente, informou a assessoria do hospital.

Ontem (28), a criança foi submetida a terceira cirurgia para retirada de agulhas. Foram retirados quatro objetos --três na região do pescoço e uma no canal medular. De acordo com a instituição, sobraram agulhas apenas em locais do corpo que não oferecem risco, e os novos procedimentos devem ser mais simples.

Internações

A primeira internação do menino foi no Hospital do Oeste, em Barreiras (BA), quando os médicos contaram quase 50 agulhas espalhadas por seu corpo. Como seu estado de saúde era grave, ele foi transferido para Salvador, onde novos exames confirmaram que 31 objetos estavam em seu corpo.

As outras duas cirurgias para a retirada das agulhas também correram bem. Neste sábado (27), o hospital chegou a anunciar que ele deixaria UTI, mas depois recuou da decisão, por questão de segurança.

Investigação

Uma das suspeitas de participar dos rituais religiosos em que foram colocadas as agulhas deixou a prisão na noite de sexta-feira (25). Segundo a Polícia Militar de Ibotirama (BA), Maria Nascimento, que diz ser mãe de santo, foi solta às vésperas do vencimento do prazo de sua prisão temporária.

Ela estava presa na delegacia da cidade, a 640 km de Salvador. Segundo a PM, antes de ser solta Maria passou por uma acareação com o padrasto do menino, Roberto Carlos Lopes, 30, que confessou ter introduzido as agulhas no enteado. A polícia afirma que Lopes inocentou a mulher.

Em entrevista ao programa "Fantástico", da TV Globo, Lopes havia acusado Maria, e disse que as agressões ocorreram durante cerca de um mês, ao menos três vezes por semana.

Além de Lopes, Angelina dos Santos, 47, sua companheira, permanece presa sob suspeita de também participar do ritual.


Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado
ANTECIPAÇÃO
Governo antecipa pagamento de parcelas do auxílio emergencial