Menu
SADER_FULL
terça, 26 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Medidas de Lula são "oportunistas", diz Heloísa Helena

1 Jul 2006 - 09h40

A decisão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de conceder aumento ao funcionalismo público e a inclusão de 1,8 milhão de beneficiários no Bolsa-Família há três meses das eleições foram alvo de críticas ontem da candidata do PSOL à Presidência, Heloísa Helena.

Ela classificou a medida como "oportunista" e "demagógica". "Como ex-militante, fico triste ao ver as mesmas ações que condenávamos. São coisas importantes de serem feitas, mas é triste quando se tornam políticas públicas enquadradas de forma oportunista no calendário eleitoral"", disse.

Também ontem, Cristovam Buarque e seu candidato a vice pelo PDT, Jefferson Peres, atacaram o governo pelo reajuste. "É um aumento oportunista e eleitoreiro", afirmou Peres, que chamou o governo Lula de gestão da "improvisação".

Folha Online

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS