Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Médico é condenado a 47 anos de prisão em Dourados

13 Ago 2010 - 11h40Por Dourados News

O médico boliviano Miguel Angel Carballar Arevalos foi condenado na madrugada desta sexta-feira a 47 anos de prisão, acusado de ser o mandante do assassinato do pediatra Ademir Aparecido dos Reis em 14 de março de 2007. Ele e o pistoleiro Wandir Roque foram julgados no Tribunal do Fórum de Dourados. Wandir que atirou contra Ademir foi sentenciado a 34 anos de cadeia. O julgamento começou na manhã de ontem e só terminou na madrugada de hoje. Quando o juiz Rubens Witzel de Rio Brilhante leu a sentença dos dois acusados.

Miguel teria mandado matar o médico porque queria ficar com a administração do hospital de Nova Andradina onde os dois clinicavam. Durante a emboscada contra a vítima também foram feridas a enfermeira Amanda Barth de 23 anos e a psicóloga Sueli Lopes de 36 anos que estavam com o médico no carro. O crime aconteceu na rodovia MS 473 em Taquarussu.

Os dois acusados pelo crime e a auxiliar de enfermagem Fátima Granja Rodrigues foram presos dias depois do assassinato por policiais civis e do Departamento de Operações de Fronteira.

No julgamento de ontem foram ouvidas 33 testemunhas de acusação e de defesa e ao final dos trabalhos o corpo de jurados composto por sete pessoas considerou por unanimidade os réus culpados pelo crime cabendo ao juiz aplicar a pena.


Os acusados foram defendidos pelos advogados Upiran Jorge Gonçalves, Leandro Vilani e Márcio Benedito. A família do médico assassinado contratou o advogado Osmar Blanco para a acusação. Como representantes do Ministério Público trabalharam os promotores Elcio Dangelo e Vander José. A auxiliar de enfermagem Fátima Granja deverá ser julgada em outra ocasião.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada