Menu
SADER_FULL
sexta, 23 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Médico confessa participação em morte de colega em Dourados

23 Mar 2007 - 15h17

O médico douradense Miguel Angel Carbalar Arévalo, de 40 anos, confessou há pouco ter encomendado a morte do colega de profissão, o médico Ademir Aparecido Pimenta dos Reis, 42 anos, executado na noite de quarta-feira, durante emboscada numa estrada entre Taquarussu e Nova Andradina. Na delegacia o acusado relatou que contratou o segurança hospitalar Vandir Roque, 45 anos, para matar a vítima.

Vandir foi preso na manhã de hoje, por volta das 10 horas, em uma estrada vicinal que liga Laguna Caarapã à rodovia BR-163. Em depoimento ao delegado Rinaldo Moreira, Vandir teria confessado a participação no crime e apontado o médico Miguel, como mandante. Preso, Arévolo disse que os motivos que teriam levado ao crime estariam ligados à disputas por cargos em unidades hospitalares de Nova Andradina.

A primeira hipótese que está sendo investigada pela Polícia seria um crime passional. O médico e o segurança tiveram a prisão decretada pelo juiz Robson Celeste Candelário, da comarca de Bataiporã. A vítima executada anteontem, estava em companhia da psicóloga Sueli Lopes Ribeiro, 34 anos, residente em Taquarussu e a enfermeira Amanda Barth, 23 anos, de Nova Andradina.

Sidnei Bronka/Dourados Agora

Os três seguiam num veículo Citroen, placa LBW-6176, de Campo Grande (MS), no sentido Taquarussu/Nova Andradina. No final de uma ponte, eles foram abordados por dois homens armados, trajando roupas camufladas. Um deles chamou pelo nome do médico, que foi atingido por um tiro na cabeça. A psicóloga Sueli Ribeiro e a enfermeira Amanda também foram atingidas pelos estilhaços do projétil. A primeira, no rosto e a outra no braço.

Os três foram retirados do veículo, que foi levado pela dupla de assaltantes e encontrado somente ontem. O médico morreu depois de dar entrada no Hospital Santa Rita, em Dourados. Sueli está internada na UTI do Hospital Evangélico, mas o quadro não é grave. Já a enfermeira foi encaminhada para o Hospital de Nova Andradina. Num matagal próximo ao local do crime, a polícia apreendeu um revólver calibre 38. O corpo do médico foi enterrado em Dourados, onde residem os familiares.

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
BRASIL - 155.403 MORTES
Covid-19: Brasil tem 24.818 novos casos em 24 horas
AJUDA
Caixa Econômica paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
BRASIL - 154.176 MORTES
Covid-19: Brasil tem mais 271 óbitos e 15.383 novos casos em 24h
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos
VEJA VIDEO
Índio precisa buscar socorro a cavalo após ataque de onça