Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 17 de outubro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

MEC vai testar notebooks de US$ 100 em setembro

24 Jul 2006 - 14h12
Governo Federal planeja iniciar piloto do notebook educacional em até três escolas em setembro, como maneira para balizar projeto pedagógico. O Ministério da Educação introduzirá notebooks educacionais do projeto One Laptop per Child (OLPC) a partir de setembro em determinados colégios brasileiros.

A introdução será feita em parceria com o Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI) da USP, o Centro de Pesquisas Renato Archer (CemPra) e a Fundação Certi, responsáveis pelos estudos de viabilização do notebook educacional no país.

O projeto piloto terá como propósito testar como as aulas poderão ser exploradas por alunos e professores com a introdução do notebook de baixo custo em salas de aulas brasileiras.

"O projeto pretende medir como muda a dinâmica na sala de aula com notebooks educacionais. Queremos entender como ampliar as possibilidades de determinado professor e como será o comportamento dos alunos", afirma Roseli Lopes, coordenadora do Núcleo de Aprendizado, Trabalho e Entretenimento.

Serão dois colégios no Brasil escolhidos para receberam as máquinas como teste, sendo que um possivelmente será na cidade de São Paulo, de acordo com a pedagoga.

Além de oferecer os notebooks, Lopes revela que os grupos pretendem montar redes de acesso sem fio do tipo Wimesh para que alunos e professores participantes do projeto testem a interação do notebook em ambiente doméstico.

Como parte do projeto pedagógico planejado, a aliança entre SLI e MEC também será responsável por instruir professores sobre a plataforma e atividades possíveis com o notebook, em um "trabalho de sensibilização", como define a pedagoga.

O começo do projeto piloto ainda não tem data definida para se concretizar. Com a intenção de começar "o mais rápido possível", Lopes estima que as primeiras reuniões para instruções pedagógicas com professores e a entrega dos notebooks deverá acontecer em setembro.

Atualmente, os grupos se concentram em diminuir a lista com 15 e 20 colégios com estrutura suficiente para condicionar o projeto piloto. Segundo a pedagoga, o investimento em equipamentos e redes sem fio deverá ser arcado pelos patrocinadores da organização OLPC.


Dourados News

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Amar a Deus
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ame o Senhor, seu Deus
BRASIL VERDE
Governadores avançam na criação de consórcio em defesa do desenvolvimento sustentável
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
LIÇÕES DA BÍBLIA
Outras imagens
LIÇÕES DA BÍBLIA
Seu povo especial
REVOLTANTE
Vanessa, de 18 anos, é atropelada e morre após reagir a assédio
LIÇÕES DA BÍBLIA
O livro da aliança
PAVOROSO
Acumulador de lixo transforma rua de cidade modelo em paraíso das ratazanas
JOGOS MORTAIS
Escola envia carta aos pais alertando sobre a série 'round 6'