Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 28 de novembro de 2021
Busca
Brasil

MEC terá campanha de esclarecimento do novo Enem

15 Out 2009 - 05h32

Em reunião na Comissão de Educação, Cultura e Esporte no Senado, o ministro da Educação, Fernando Haddad, afirmou que MEC fará em novembro uma campanha para consolidar os novos procedimentos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Segundo o ministro, a atividade visa orientar os estudantes e dar credibilidade ao processo.

"Queremos ganhar os dias de correção que perdemos com o adiamento (prova)", diz o ministro. A campanha deverá orientar os estudantes sobre a forma correta do preenchimento das respostas.

"Se o aluno assina a folha de presença no lugar errado dá um trabalho enorme. A identificação do erro leva dias, essa campanha vai ajudar a ganhar dias", disse Haddad.

Segundo informações da assessoria do MEC, a campanha deverá ser feita por uma agência de Salvador, na Bahia, e o investimento deverá ficar entre 150 e 200 mil. Atores globais como Wagner Moura, Lázaro Ramos e Selton Mello, estão sendo cotados para participar da campanha.

Haddad passou o fim da manhã desta quarta-feira na Câmara dos Deputados também prestando esclarecimentos sobre o vazamento da prova do Enem.

Cancelamento Enem
O Ministério da Educação cancelou na madrugada do dia 1 de setembro a realização do Enem, que seria aplicado no último final de semana, 3 e 4 de outubro, para mais de 4 milhões de pessoas em todo o País. O cancelamento ocorreu em virtude do vazamento da prova. As provas seriam aplicadas em 113.857 salas de 10.385 escolas do País. O exame foi remarcado para os dias 05 e 06 de dezembro.

A fraude foi descoberta depois que um homem telefonou para o jornal O Estado de S. Paulo informando que tinha em mãos duas das provas que seriam aplicadas no sábado pelo Ministério da Educação. A Polícia Federal indiciou cinco pessoas pelo crime. Os acusados responderão processo em liberdade.

Após a fraude, o Ministério da Educação rompeu o contrato com o consórcio Connasel, responsável pela aplicação do exame. A empresa, porém, nega falhas na segurança.

Leia Também

COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid -19 casos sobem para 22,043 milhões e mortes, para 613,3 mil
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Menina de 11 anos conta para avô que é estuprada pelo padrasto
CRUELDADE
Justiça nega exame de insanidade a mulher que esquartejou filho
MANIACO SEXUAL
Homem é filmado passando a mão em mulher no meio da rua
+ AUMENTO
Conta de luz deve subir mais de 20% no ano que vem, estima ANEEL