Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 26 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

MEC aprova meio milhão de reais para projetos da UFGD

2 Jun 2010 - 17h35Por Fátima News com Assessoria

A Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) foi a que mais aprovou projetos no Mato Grosso do Sul pelo Edital nº5 PROEXT 2010 MEC/SESu, para extensão universitária com ênfase na inclusão social. A Universidade teve três programas e seis projetos aprovados que totalizam um recurso de mais de meio milhão de reais (R$ 511.523,30).

Por conta disso, a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UFGD parabeniza todos as pessoas envolvidas direta e indiretamente na aprovação das ações. Os programas e projetos são: “A extensão universitária como estratégias e práticas técnicas na comunidade quilombola -Dourados/MS” ; “A Inclusão Digital como a interface entre a academia e a comunidade - Dourados (MS)” ; “Ações de Formação Continuada sobre Fundamentos, Metodologia e Conteúdos do Ensino de Ciências para professores da Educação Básica”; “Avaliação das condições de comercialização e manipulação de alimentos na cidade de Dourados/MS” ; Linha “Geração de Trabalho e Renda em Assentamentos Rurais de Mato Grosso do Sul: estratégias de empoderamento feminino”; “Programa integrado de combate a dengue e tuberculose no município de Dourados”; “Teatro da Terra - Cultura e visibilidade social entre jovens assentados”; “Capacitação e Introdução tecnológica na cadeia da Piscicultura na região de Dourados e Mundo Novo- MS”; e “Processamento e Boas Práticas de fabricação de Produtos Aplicados ao Desenvolvimento Sustentável do Setor Aquícola da Região Sul do Mato Grosso do Sul”.

O edital é nacional e contemplou 415 ações de Instituições de Ensino Superior Federais e Estaduais de todo Brasil. Ele quer aprofundar ações políticas que venham fortalecer a institucionalização da Extensão para, entre vários objetivos: dotar as instituições de melhores condições de gestão de suas atividades acadêmicas de Extensão; contribuir para a implementação de políticas públicas; estimular o desenvolvimento social e o espírito crítico dos estudantes, bem como a atuação profissional pautada na cidadania e na função social da educação superior; e contribuir para a melhoria da qualidade de educação brasileira por meio do contato direto dos estudantes com realidades concretas e da troca de saberes acadêmicos e populares.

Essa é uma iniciativa da União, representada pelo Ministério da Educação, por intermédio da SESu/DIFES, em parceria com os Ministérios da Cultura, da Pesca e Aqüicultura, da Saúde, das Cidades, do Desenvolvimento Agrário, do Desenvolvimento Social e Combate a Fome, do Trabalho e Emprego e com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL - 157.134 MORTES
Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19
AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
SIM A VIDA
Brasil se une a Egito, Indonésia, Uganda, Hungria e EUA em declaração contra o aborto
Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
BRASIL - 155.403 MORTES
Covid-19: Brasil tem 24.818 novos casos em 24 horas
AJUDA
Caixa Econômica paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência