Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 28 de maio de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

MEC apresentará proposta de piso de R$ 850 para professores

30 Mar 2007 - 04h26
O Ministério da Educação vai apresentar na sexta-feira, 30, ao Congresso Nacional um projeto de lei que prevê piso de R$ 850 para professores em todo o País.

Em entrevista concedida à reportagem da Rádio Jovem Pan de São Paulo, o ministro da Educação, Fernando Haddad, informou que 55% dos professores ganham menos do que o valor previsto. "Vamos beneficiar mais da metade de todos os professores no País. Ao longo do tempo, prefeitos e governadores vão ter que procurar adequar os seus planos de carreira a essa nova realidade", considerou.

De acordo com o ministro, sempre haverá "interesses conflitantes" em relação ao valor, o que ele considera positivo. No entanto, ressaltou que os recursos do governo federal vão garantir a manutenção do piso nas cidades mais carentes do Brasil.

"Os trabalhadores estão no seu papel e o professor está no seu papel de defender uma remuneração mais digna pela função que exerce. Já o poder público tem os seus limites orçamentários, que também precisam ser respeitados."

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVIRUS NO BRASIL
Covid-19: Brasil passa dos 400 mil casos confirmados e 25 mil mortes
MORTES CONTINUAM
Brasil é o 2º país no mundo com infectados com o coronavirus
FRAUDE
URGENTE! 160 mil possíveis FRAUDES no auxílio emergencial de R$600
COVID-19
URGENTE! Zezé Di Camargo e Luciano testam positivo para a Covid-19
BONITO - MS - COVID-19
Pandemia faz empresas demitirem 29% dos funcionários do setor de turismo de Bonito (MS)
VITIMA DA COVID 19
'Mãe' de Jojo Todynho morre de Covid-19
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Dia dos Namorados é no O Boticário, confira o catálogo digital, entrega em casa em Fátima do Sul
COVID-19
Dois integrantes da banda de Zezé Di Camargo e Luciano testam positivo para coronavírus
FEMINICIDIO
Filha de 12 anos faz homenagem para vítima de feminicídio: 'te amarei para sempre'
ELEIÇÕES 2020
Líderes municipalistas confirmam inviabilidade das eleições 2020