Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 18 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Mataboi entra com pedido de recuperação judicial e demite 500 em MS

31 Mar 2011 - 09h46Por G1
Cerca de 500 trabalhadores do frigorífico Mataboi, em Três Lagoas, foram demitidos pela empresa neste início de semana. A informação é Sindicato dos Trabalhadores em Frigoríficos e Matadouros de Mato Grosso do Sul.

Segundo o assessor da entidade, Rinaldo de Souza Salomão, metade dos colaboradores demitidos é de trabalhadores que ainda estavam em período experimental, ou seja, tinham menos de três meses de emprego.

Conforme informações apuradas por Salomão com trabalhadores da empresa, o frigorífico nos últimos dias já vinha mantendo uma escala de abates irregular até paralisar totalmente as operações no início da semana. “Eles estavam abatendo 300 animais em um dia e no outro não faziam o abate, e assim estava funcionando”, explica ele.

As demissões também são confirmadas pela Ftiaa/MS (Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins de Mato Grosso do Sul). De acordo com o presidente da entidade, Vilson Gimenes, as demissões teriam ocorrido em razão da crise financeira do frigorífico.

A paralisação do frigorifico surpreendeu também os pecuaristas da região. “A situação é muito preocupante. Já temos quatro ações contra a empresa por falta de pagamento e nenhuma informação sobre os pagamentos”, afirmou o presidente do Sindicato Rural de Três Lagoas, Domingos Martins de Souza. Ele informou, ainda, que antes de suspender as atividades, o frigorifico devolveu aos pecuaristas o gado que estava no curral pronto para o abate.

Na noite desta terça-feira (29), o frigorífico divulgou nota  informando que ingresso com pedido de recuperação judicial na cidade de Araguari (MT), para superar a crise financeira, entretanto, não faz menção a demissões ou paralisação de unidades em razão do problema.

A assessoria de imprensa da empresa deve divulgar ainda na tarde desta tarde um novo comunicado com mais detalhes sobre a situação do frigorífico.

O frigorífico Mataboi é único no município – que tem um rebanho estimado em 700 mil cabeças - com capacidade para abater grandes quantidades de animais.

Confira a íntegra da nota divulgada ontem pelo frigorífico Mataboi

O Frigorífico Mataboi ingressou com pedido de recuperação judicial

O Frigorífico Mataboi ingressou com pedido de recuperação judicial em Araguari-MG, visando a rápida superação de sua passageira crise financeira, frente à maior crise da história do setor.

Seus diretores, funcionários e acionistas trabalharão com afinco para cumprir com todas as suas obrigações, buscando obter novas parcerias e especialmente manter as antigas.

É normal que muitos não tenham ainda familiaridade com tal situação, mesmo após tantas outras recuperações no nosso setor e em outros setores da economia, especialmente após a enorme crise financeira do final de 2008.

Porém, a Mataboi e seus colaboradores garantem que esta sua atual situação é plenamente reversível. Com apoio de todos, será um sucesso este seu processo de reestruturação e a empresa voltará a ser uma das mais respeitadas empresas do setor.

O processo de recuperação judicial nada mais é do que uma ferramenta de reestruturação da empresa e de seu passivo, que é exercida em conjunto e em debate com seus credores.

A empresa permanece dotada de total liberdade negocial, sendo representados normalmente por seus sócios, diretores e funcionários.

A Mataboi e seus colaboradores se encontram à disposição de todos, em seus regulares canais de contato, para qualquer esclarecimento que se fizer necessário sobre o processo de recuperação, ou para todos que queiram colaborar ou somente receber informações.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros