Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 23 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Londres diz que vai recorrer contra suspensão da CPI

30 Ago 2006 - 10h45

O deputado estadual Londres Machado (PL), presidente da Assembléia Legislativa, disse nesta manhã que a Casa vai recorrer da decisão do desembargador Osvaldo Rodrigues de Melo, do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), que suspendeu ontem a CPI da Enersul, acatando mandado de segurança impetrado pelos advogados da empresa, Paulo Tadeu Haendchen e Otton Nasser.

Londres disse que antes de recorrer da decisão da Justiça, será acatada a decisão da liminar, aguardar até que seja julgado o mérito para depois tomar a medida correta. Ele considera que a ação do poder judiciário frustra o trabalho dos deputados, pois tinha adesão da maiorira, e também a população, que tinha 30 mil assinaturas.

O parlamentar ressaltou ainda que ainda não recebeu a notificação. Ele acrescentou ainda que o pedido não passou CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) e que para instalar uma CPI é preciso de um fato determinado, como a tarifa mais cara do Brasil e que atenda as exigências regimentais da casa, avaliando que a casa tinha competência, ressaltando que é o povo de sul-mato-grossense que paga a conta e o os investimentos são feitos no Estado.

 

 

Mídia Max

Leia Também

OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro