Menu
SADER_FULL
segunda, 15 de agosto de 2022
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Lombadas geram 1.200 multas desde janeiro

9 Fev 2010 - 09h07Por Douradosagora

As dez lombadas eletrônicas instaladas em Dourados no  final do ano passado, geraram pelo menos 1.200 multas, desde o dia 1º de janeiro deste ano, segundo levantamento do Departamento de Trânsito (Detran). 
A infração para quem ultrapassar os 30 quilômetros por hora custa R$ 127,69 até o limite de velocidade de 20% acima ao permitido. Esse valor vai aumentando conforme a velocidade utilizada pelo condutor, podendo chegar a multa gravíssima, que é de R$ 574,62, somando sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
O diretor de Transporte e Trânsito, Osmar Farias Borba, diz que de janeiro até agora, o número de acidentes está empatado com o mesmo período de 2009, mas se levar em consideração o aumento da frota de veículos de um ano para o outro, o número de acidentes diminuiu.
Ele acredita que as lombadas eletrônicas ajudaram a reduzir os acidentes, já que foram colocadas  em pontos estratégicos, ou seja, locais onde é mais fácil a ocorrência de acidentes. 
MAIS LOMBADAS
 Borba lembra que foram instaladas mais quatro lombadas eletrônicas, mas ainda não estão funcionando porque falta a aferição. Duas estão localizadas na Rua Monte Alegre, uma na altura do Ginásio Municipal e outra em frente ao Colégio Bandeirantes. Outras duas estão na Hayel Bon Faker, nas imediações do BNH 4º Plano, e na Rua Mozart Calheiros, perto da Escola Estadual Maria da Glória Muzzi Ferreira.
De acordo com Borba essas lombadas devem começar a funcionar daqui a 45 dias, aproxidamente, após a aferição.
Além dessas quatro, que ainda não foram colocadas em funcionamento, em Dourados são dez aparelhos operando. A expectativa é instalar pelo menos mais 16 na cidade. De acordo com Borba, já foi passado para o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) os locais onde são necessárias as lombadas. “Já indicamos os locais e o Detran vai instalando, conforme a disponibilidade”, informou.   
A preferência é para locais onde existem grandes concentração de pessoas, como próximos a escolas, hospitais, entre outros.
As lombadas começaram a ser reinstaladas em agosto de 2009, depois de cinco anos desativadas, quando encerrou o contrato entre o Detran e a empresa que explorava os equipamentos.

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Motociclista de 27 anos bate na traseira de trator e morre em vicinal
TRAGEDIA NA RODOVIA
Sete pessoas morrem e três ficam feridas em acidente entre caminhão e van
AUXILIO POPULAÇÃO
Governo libera empréstimo consignado para beneficiários do Auxílio Brasil
TRAGÉDIA
Carro explode durante abastecimento e amputa pernas de frentista
NOITE DE TERROR
Moradores relatam medo vivido em confronto com oito mortos
ACIDENTE DE TRABALHO FATAL
Trabalhador morre soterrado ao fazer limpeza em silo de grãos
AGRESSÃO NA ESCOLA
Mulher invade escola e espanca aluna a pauladas
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil ultrapassa o número de 680 mil mortos pela doença
AUXÍLIO BRASIL AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio Brasil de R$ 600 e vale-gás saem hoje para mais um grupo
BRASIL + POBRE
Estudo mostra alta da pobreza em regiões metropolitanas