Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de junho de 2021
Busca
Brasil

Lombadas geram 1.200 multas desde janeiro

9 Fev 2010 - 09h07Por Douradosagora

As dez lombadas eletrônicas instaladas em Dourados no  final do ano passado, geraram pelo menos 1.200 multas, desde o dia 1º de janeiro deste ano, segundo levantamento do Departamento de Trânsito (Detran). 
A infração para quem ultrapassar os 30 quilômetros por hora custa R$ 127,69 até o limite de velocidade de 20% acima ao permitido. Esse valor vai aumentando conforme a velocidade utilizada pelo condutor, podendo chegar a multa gravíssima, que é de R$ 574,62, somando sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
O diretor de Transporte e Trânsito, Osmar Farias Borba, diz que de janeiro até agora, o número de acidentes está empatado com o mesmo período de 2009, mas se levar em consideração o aumento da frota de veículos de um ano para o outro, o número de acidentes diminuiu.
Ele acredita que as lombadas eletrônicas ajudaram a reduzir os acidentes, já que foram colocadas  em pontos estratégicos, ou seja, locais onde é mais fácil a ocorrência de acidentes. 
MAIS LOMBADAS
 Borba lembra que foram instaladas mais quatro lombadas eletrônicas, mas ainda não estão funcionando porque falta a aferição. Duas estão localizadas na Rua Monte Alegre, uma na altura do Ginásio Municipal e outra em frente ao Colégio Bandeirantes. Outras duas estão na Hayel Bon Faker, nas imediações do BNH 4º Plano, e na Rua Mozart Calheiros, perto da Escola Estadual Maria da Glória Muzzi Ferreira.
De acordo com Borba essas lombadas devem começar a funcionar daqui a 45 dias, aproxidamente, após a aferição.
Além dessas quatro, que ainda não foram colocadas em funcionamento, em Dourados são dez aparelhos operando. A expectativa é instalar pelo menos mais 16 na cidade. De acordo com Borba, já foi passado para o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) os locais onde são necessárias as lombadas. “Já indicamos os locais e o Detran vai instalando, conforme a disponibilidade”, informou.   
A preferência é para locais onde existem grandes concentração de pessoas, como próximos a escolas, hospitais, entre outros.
As lombadas começaram a ser reinstaladas em agosto de 2009, depois de cinco anos desativadas, quando encerrou o contrato entre o Detran e a empresa que explorava os equipamentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JOGOS ONLINE
Expectativas para legalização de jogos de azar movimenta mercado internacional
Policial
Criança de 6 anos sofre trauma de crânio após cair de atração no Beto Carrero World
DOSE ÚNICA
Avião com 1,5 milhão de doses da Janssen chega amanhã, diz ministro
REAÇÃO CERTEIRA
Mulher flagra filha sofrendo estupro e esfaqueia pedófilo
VIOLENCIA DOMESTICA
Menina de 12 anos furta bisavô e leva 10 chibatadas da mãe por ordem do CV
MILIONÁRIO
Aposta única fatura prêmio de R$ 7 milhões da Mega-Sena
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa paga hoje 3ª parcela do auxílio emergencial para nascidos em março
LUTO NA MÚSICA
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos
VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai