Menu
SADER_FULL
terça, 24 de novembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
direito de transmissão

Libertadores paga menos por cotas de televisão do que Série B

Boa Esporte e Guaratinguetá recebem mais dinheiro de TV para disputar a 2ª divisão

6 Set 2013 - 07h15Por Folha

Boa Esporte e Guaratinguetá recebem mais dinheiro de TV para disputar a segunda divisão do Campeonato Brasileiro do que Corinthians e Palmeiras por terem disputado a Libertadores neste ano.

A Folha teve acesso à planilha de pagamentos aos clubes que jogaram as competições da Conmebol nos últimos três anos. A diferença para os valores que circulam no Brasil é grande.

  Editoria de arte/Folhapress  

A entidade que comanda o futebol sul-americano foi procurada pela reportagem para comentar o tema e afirmou que responderia em seu site --o que não havia ocorrido até a conclusão desta reportagem.

Corinthians e Palmeiras, que caíram nas oitavas de final da Libertadores em 2013, faturaram cada um US$ 1 milhão (cerca de R$ 2,32 milhões) com direitos de TV.

Os times mais modestos que disputam a Série B do Brasileiro deste ano vão ganhar R$ 3,5 milhões cada.

A cota de televisão das equipes que participam da Libertadores depende de seu desempenho no torneio.

O Atlético-MG, campeão da última edição, faturou US$ 4 milhões (R$ 9,3 milhões). No ano passado, quando não participou da Libertadores, o time mineiro recebeu R$ 87,5 milhões --a maior parte desse valor referente ao Campeonato Brasileiro da Série A.

As cotas de TV para os quatro grandes clubes do Campeonato Paulista são de quase R$ 13 milhões por ano.

Quem foi eliminado na fase de grupos da competição continental, caso do uruguaio Peñarol e do argentino Arsenal, arrecadou US$ 600 mil (R$ 1,4 milhão).

O valor é quase igual ao que recebem os clubes pequenos para participar do Campeonato Gaúcho --Inter e Grêmio, os grandes, ganham R$ 5,5 milhões no Estadual.

"A verdade é que pagamos para jogar a Libertadores", diz Andres Sanchez, ex-presidente do Corinthians, um dos cabeças de um grupo de oposição à Conmebol.

Lançado nesta semana com o apoio de ex-jogadores como Romário e Maradona, o movimento pressiona a confederação a repassar mais dinheiros aos clubes.

O maior incentivador do movimento é a Gol TV, do empresário uruguaio Paco Casal, que fez proposta para comprar os direitos de transmissão da Copa Sul-Americana e da Taça Libertadores.

"Fizemos uma proposta maior, não conseguimos entender porque nossa oferta não foi aceita", disse Enzo Francescoli, ex-jogador uruguaio, sócio da Gol TV.

A Conmebol não respondeu à Folha. A Fox, que detém os direitos de transmissão dos torneios interclubes no continente, informou por nota que "por cláusula de confidencialidade, não pode comentar o assunto."

Francisco "Paco" Casal é um empresário polêmico no Uruguai. Além de um canal de TV, tem empresa de marketing e agente de atletas.

DISPUTA POLÍTICA

Os ataques à Conmebol também tem cunho político. Romário, Maradona, Chilavert e outros ex-jogadores criticaram cartolas poderosos do continente, como o uruguaio Eugenio Figueredo, presidente da entidade, e Marco Polo Del Nero.

Tudo isso aconteceu no Parque São Jorge, a convite de Sanchez, que tenta se viabilizar como oposição a Del Nero na CBF.

  Fabio Braga - 14.mai.13/Folhapress  
O goleiro Bruno, do Palmeiras, sai de campo após a derrota para o Tijuana (MEX) na Libertadores
O goleiro Bruno, do Palmeiras, sai de campo após a derrota para o Tijuana (MEX) na Libertadores

Deixe seu Comentário

Leia Também

LIGAÇÃO FATAL
Mulher dirige falando no celular, capota carro e morre
ASSASSINATO
Policia persegue e apreende menor que matou líder do PC do B em assentamento
TRISTEZA NA FAMILIA
Menino de 4 anos morre após quebrar o pescoço durante brincadeira
ALTA NO PREÇO
Bolsonaro diz que alta nos preços dos alimentos é consequência do "fique em casa"
CORONAVIRUS
UFPR confirma que dois cachorros testam positivo para coronavirus
AUXILIO POPULAÇÃO
Ala política defende prorrogar auxílio emergencial, mas Bolsonaro ainda não decidiu
DIAGNÓSTICO COMPROMETIDO
Bolsonaro diz que estados e municípios devem explicar testes de Covid sem uso prestes a vencer
FENÔMENO DA NATUREZA
Meteoro explode sobre a fronteira do RS com o Uruguai; veja imagens
PANDEMIA
Brasil acumula 6,07 milhões de casos e 169 mil mortes por covid-19
VENDA DE CARROS
A venda de carros novos continua crescendo