Menu
SADER_FULL
domingo, 20 de junho de 2021
Busca
Brasil

Liberações do FCO à micros e pequenos crescem 10% em 2009

6 Nov 2009 - 16h09Por Notícias.MS

Os recursos do Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) destinadas aos micros e pequenos investidores do setor empresarial e rural no Estado já cresceram 10% em 2009. A informação foi divulgada nesta manhã de sexta-feira (6), pela secretária de Produção e Turismo (Seprotur), Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, durante evento preliminar a 51ª Reunião Ordinária do Conselho Deliberativo do fundo, que avaliou desempenho do FCO Itinerante nos estados.
 
Segundo os dados divulgados pela secretária Tereza Cristina - atual presidente do Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis pelo Fundo (CEIF/FCO), o percentual destinado ao setor saltou de 38,5%, registrado no ano passado, para 42,6% dos R$ 582,2 milhões já contratados até setembro de 2009.
 
“Este é um avanço significativo, mas precisamos intensificar os esforços para que possamos alcançar a meta de 51% do total de recursos disponíveis no Fundo”, salientou, reconhecendo que mesmo abaixo da meta, o Estado obteve um dos melhores desempenhos parciais deste a criação do Fundo, em 1988.
 
Para a secretária, o bom desempenho foi alcançado graças às ações do governo do Estado voltadas a dinamização e celeridade aos tramites burocráticos, e empenho dos investidores que buscaram ampliar e aprimorar suas atividades. Outro fator decisivo, aponta Tereza Cristina, foi o engajamento multinstitucional dado aos programas FCO Itinerante Agricultura Familiar e empresarial.
 
“Conquistamos como grandes parceiros destes eventos, prefeituras, câmaras municiais e diversas entidades de classe e instituições financeiras, integradas neste esforço de ampliar o alcance do FCO em Mato Grosso do Sul”, reconheceu.
 
Para se ter uma idéia do desempenho desta estratégia adotada pelo governo estadual, de 2007 até agora, os programas de divulgação do Fundo já foram levados para quase 3 mil investidores, sendo, 2150 ligados ao setor empresário e 977 da agricultura familiar. Empresários de todas as regiões do Estado já foram mobilizados e participaram das reuniões. No setor rural, o programa iniciado somente em 2009, já visitou 14 municípios.
 
“Em 2007 realizamos 4 encontros regionais, no ano passado, ampliamos para 12, e agora, já realizamos 25 eventos”, comemora Tereza, lembrando que até o final do ano, o FCO Itinerante irá até Chapadão do Sul e Mundo Novo.
 
Ação Institucional
Ainda na programação de apresentação dos trabalhos de Mato Grosso do Sul voltados ao FCO Itinerante, foi apresentado pela primeira vez ao público o vídeo institucional do programa no Estado. Elaborado como estratégia motivacional e peça informativa a investidores, o audiovisual traz imagens sobre diversos empreendimentos de sucesso apoiados pelo FCO, e uma mensagem do governador André Puccinelli, apontando esta fonte de recursos como um dos mais importantes instrumentos de fomento em nossa região.
 
“O FCO amplia e moderniza nossa produção, fortalecendo nossa economia e acelerando nosso desenvolvimento”, assegura o governador.
 
De acordo com o representante do secretário de Desenvolvimento do Centro-Oeste do Ministério da Integração (MI), Frederico Valente, os demais estados do Centro-Oeste vêm trabalhando neste esforço de ampliar a participação dos micros e pequenos tomadores de recursos junto ao Fundo. “Este é um setor importante, de muita capilaridade na economia e que traz efeitos direitos na produção de alimentos, principalmente quando está focado na agricultura familiar”, salientou.
 
E este esforço, como lembrou o coordenador estadual Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável (CEDRS/MS), Carlos Gonçalves, o Estado já adotou a iniciar a construção de um pacto estratégico de atuação que visa o fortalecimento dos conselhos municipais de desenvolvimento rural sustentável. Gonçalves aponta ainda, o efetivo resultado obtido pelo programa FCO Itinerante, que tem mobiliado a Agricultura Familiar estadual.
 
“Precisamos combinar as estratégias para que estas informações sobre o Fundo cheguem realmente até os produtores, e para isso, estamos mobilizando e contando com a atuação pontual dos conselhos municípios”, conclui.
 
Programação
Já na parte da tarde, durante a 51ª Reunião Ordinária do Conselho Deliberativo do Fundo, o grupo deve avaliar sete proposições, entre outros assuntos relevantes aos estados. A programação acontece no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camilo – Auditório Tertuliano Amarilla, na Capital. Informações pelos telefones 067 3318-5045/3318-5029.
 
14h0 – Abertura Oficial da 51ª Reunião Ordinária do Condel-FCO
14h30– Abertura oficial dos trabalhos
16h – Coffe Break
18h – Encerramento

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA MÚSICA
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos
VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado