Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 20 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Leia o artigo “Presidente ou presidenta”?, por Edson Moraes

3 Nov 2010 - 12h10

“Presidente ou presidenta”?

Edson Moraes*

A escolha de uma mulher para comandar o País é de um ineditismo e de uma importância tão significativos que precisa ser bem dimensionada nas mais diversas formas e manifestações. Até (aliás, principalmente) na nomenclatura de gênero. Dilma Roussef é presidente ou presidenta? As duas formas são corretas. Mas, convenhamos, neste caso o artigo definido feminino “a” encarna com maior propriedade a referência de gênero. E o Dicionário Aurélio – a fonte das fontes – ensina: o feminino de presidente é presidenta.

O renomado jornalista e professor de Ensino Médio Hélio Consolaro afirma que a predominância do masculino na língua reflete o machismo. É o que explica, por exemplo, a rígida e hermética nomenclatura da hierarquia militar. As Forças Armadas e as polícias admitiram o ingresso da mulher em seus quadros, mas não admitem o ajuste da referência de gênero. No quartel não existe "soldada" ou "sargenta". É soldado, sargento... E os dicionários, em geral, seguem na mesma viela machistóide, assim como grande parte dos jornalistas e órgãos de imprensa.

Um exemplo atual do desprezo à dimensão do que representa a quebra de um tabu secular com a eleição de Dilma é a justificativa da Folha de S. Paulo para continuar chamando de presidente a mulher que chega ao poder máximo de um país ou de qualquer corporação. Veja o que a Folha empunha como argumento: "Em português, as duas formas estão corretas, mas a feminina é pouco usada, diz Thaís Nicoleti, consultora de língua portuguesa do Grupo Folha-UOL. Para Pasquale Cipro Neto, o uso da forma presidenta é desnecessário e causa estranheza".

Que me desculpem a consultora Nicoleti, o carismático professor Cipro Neto e a vetusta empresa dos Frias de Oliveira, mas ambos escorregaram para a vala (ou cova) rasa do machismo empedernido. Presidenta é um termo desnecessário? Causa estranheza? É forma feminina pouco usada? O que dizer então das trocentas expressões estrangeiras aportuguesadas e neologismos dos mais bizarros que invadem nossos canais de leitura e de cultura diariamente?

Por acaso um cidadão de poucas letras que não possua carro – algo cada vez mais raro no Brasil de hoje – sabe o que significa a palavra recall? Se este cidadão se socorrer de um dicionário da língua portuguesa não a encontrará. Mas é uma expressão utilizada normal e generosamente nos textos da Folha, sem grifo, sem aspas, sem ao menos uma tradução. Ah, certo, a Folha, seus consultores e suas fontes esgrimirão a desculpa: "Esta expressão é bastante utilizada, caiu no domínio público".

Porém, para cair no domínio público os vocábulos estrangeiros mais usuais e não aportuguesados – como recall, site e twitter, entre tantos – foram adotados pelos meios de comunicação. Se a Folha & companhia fizessem o mesmo com a flexão presidenta certamente os meios de comunicação estariam reconhecendo a real dimensão do que significa a eleição de uma mulher como chefe da Nação. E ainda ajudariam a fazer da língua portuguesa, dos textos jornalísticos e da leitura mecanismos mais eficientes de informação e de formação da sociedade de um país moderno, transformador e capaz de enfrentar e derrubar os muros das desigualdades e dos preconceitos.

Dilma é a primeira presidenta do País!

*Jornalista

Deixe seu Comentário

Leia Também

Caixa com cenouras de boa qualidade 100 DESPERDÍCIOS
Governo cria Rede de Bancos de Alimentos para combater desperdício
Ainda de acordo com a atualização, 567.369 pessoas estão em acompanhamento e outras 3.753.082 se recuperaram. PANDEMIA
Covid-19: Brasil acumula 4,4 milhões de casos e 134,9 mil mortes
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa abre 770 agências amanhã das 8h às 12h
Apesar do esforço médico a adolescente não resistiu. DESCARGA FATAL
Adolescente segura extensão de energia e morre após sofrer descarga elétrica
Assaltante magro está com um revólver na mão direito e boné na esquerda TERROR NA RODOVIA
Vídeo mostra ação extremamente violenta de ladrões em Rodovia
As imagens mostram que a vítima estava prestes a sair de moto VIOLENCIA NA CIDADE
Homem é flagrado agredindo e tentando atropelar a ex; veja vídeo
Bolsonaro autorizou estudos para a área. PROGRAMA ASSISTENCIAL
Após desistir do Renda Brasil, Bolsonaro autoriza criação de novo programa social
Bolsonaro com Ricardo Barros APREENSÃO
Gaeco cumpre mandado em escritório de Ricardo Barros, lider do governo Bolsonaro na Câmara
presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) AGORA
Maia testa positivo para Covid-19, informa assessoria do deputado
 Joice Pastre, 27 anos, morreu na última sexta-feira (11) GESTO NOBRE
Família doa órgãos de jovem que sofreu aneurisma cerebral