Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 28 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Lei obriga fornecedores de MS marcar turno para fazer entregas

20 Mai 2010 - 08h52Por MS Notícias

Lei estadual sancionada pelo governador, André Puccinelli (PMDB), publicada no Diário Oficial do Estado e que começa a valer hoje determina que fornecedores de produtos e serviços marquem o turno para entrega ou prestação do serviço na casa do consumidor.

Muitas empresas, dentre elas as próprias concessionárias de serviços públicos, informam apenas o dia da visita, quando não um determinado período de tempo para que ocorra – 24 horas ou 48 horas, por exemplo.

Agora elas terão que fixar a data e o turno – vespertino, matutino ou noturno, para que o consumidor tenha condições de se programar também.

Foi estipulado período matutino o compreendido entre 7 e 12 horas, vespertino como a partir de 12 horas até às 18 horas e noturno de 18 às 23 horas.

O fornecedor precisará informar previamente quais as datas disponíveis e assegurar ao consumidor o direito de escolher o turno.

Quando finalizada a contratação o fornecedor terá de entregar ao consumidor documento com os dados da empresa, dentre eles o número do CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica), descrição do produto e data e turno em que será feita a entrega, além do endereço do cliente.

No caso de comércio a distância ou não presencial, este documento terá de ser enviado previamente ao consumidor por meio de mensagem eletrônica, fac-símile, correio ou outro meio adequado. O descumprimento da Lei acarreta em multa e até interdição do produto ou estabelecimento, conforme prevê o artigo de nº 56 do Código de Defesa do Consumidor. A multa por de ir de 200 a 3 milhões de Ufir (cada Ufir vale R$ 1,06). A fiscalização fica a cargo dos órgãos de proteção ao consumidor

Deixe seu Comentário

Leia Também

100 PAGAMENTOS
Mais de 17 milhões devem ficar sem todas as parcelas do auxílio
ASSALTANTES
Apresentador da Record sequestrado é achado em RR teve braços quebrados e amarrados
BRASIL - 157.397 MORTES
Brasil tem mais 263 mortes e 15.726 novos casos de covid-19
ALIVIO NO BOLSO
Petrobras reduz preços de gasolina e diesel a partir desta terça (27)
BARBÁRIE
Marido mata mulher a facadas dentro de casa durante almoço de domingo
CAPOTAMENTO
Carro capota várias vezes ao fazer curva na MT-412 e mata fotógrafo
BRASIL - 157.134 MORTES
Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19
AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
SIM A VIDA
Brasil se une a Egito, Indonésia, Uganda, Hungria e EUA em declaração contra o aborto
Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência