Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Justiça concede liberdade com restrições a agente que matou PM

14 Mai 2011 - 05h09Por Campo Grande News

O juiz Adriano da Rosa Bastos, da 3ª Vara Criminal de Dourados, concedeu nesta tarde liberdade provisória ao policial federal Leonardo de Lima Pacheco, 38 anos, preso em flagrante no domingo, após matar o policial militar Sandro Morel, 36 anos, e ferir o policial José Pereira.

Leonardo também foi baleado durante o tiroteiro, que correu após ele marcar na internet um encontro com a guarda municipal Zilda Ramires, 44 anos.

O policial disse à Zilda, durante a conversa, que era traficante, e ela acionou a equipe do serviço de inteligência da Polícia Militar na cidade com o intuito de prendê-lo.

A defesa de Leonardo havia pedido ao juiz o relaxamento da prisão, por considerar que não houve elementos para o flagrante. O magistrado rejeitou esse pedido, mas entendeu que o policial federal pode responder ao processo em liberdade, por se tratar de réu primário, com residência fixas.

A decisão do juiz, porém, impõe condições, como foi sugerido pelo Ministério Público Estadual.

Leonardo deverá “sempre manter endereço atualizado e comunicar o juízo quando for viajar por mais de 8 dias. O justiça também determinou que ele continue trabalhando em Dourados, “até mesmo como forma de se facilitar futuras intimações pessoais.

O MPE pediu,mas o juiz negou, que o policial seja impedido de manter contato por qualquer meio com a guarda municipal Zilda Aparecida Ramires, “vez que, ao menos por ora, não há norma em vigor que assim autorize.”

O agente da PF está na carceragem da Corporação em Dourados, desde ontem, quando teve alta do Hospital Santa Rita. Ele ainda não prestou depoimento no inquérito no qual foi indiciado por homicídio e tentativa de homicídio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS