Menu
BANNER IMPRESSORAS
quinta, 11 de agosto de 2022
BANNER IMPRESSORAS
Busca
Brasil

Junho foi o mês mais quente da história

17 Jul 2010 - 10h49Por R7

O mês de junho deste ano teve as maiores temperaturas globais na superfície da Terra e nos oceanos, tornando-o mais o quente da história, revelou a NOAA (Agência Americana para Oceanos e Atmosfera). 

A temperatura global média combinada da superfície da Terra e dos oceanos, em junho deste ano, foi a mais alta registrada, de 16,2 °C, ou 0,68 °C acima da temperatura média do século 20, que foi de 15,5°C. 

A temperatura global na superfície da Terra foi 1,07 °C acima da média do século 20, que foi de 13,3 °C, a mais alta registrada.
 
O calor acima da média ocorreu em todo o planeta. Os lugares onde ele foi maior foram o Peru, as regiões central e leste dos Estados Unidos e o leste e o oeste da Ásia. 

Já os lugares mais frios do que a média incluem os países do norte da Europa (Escandinávia), o sul da China e o nordeste dos Estados Unidos. 

A temperatura dos oceanos foi 0,54°C acima da média do século 20, de 16,4 °C. O calor mais forte ocorreu no oceano Atlântico. 

A temperatura na superfície dos oceanos continuou a diminuir no oceano Pacífico equatorial ao longo de junho, graças ao fim do fenômeno El Niño. De acordo com o centro de previsões da NOAA, o fenômeno La Niña deverá acontecer no verão deste ano no hemisfério Norte. 

O serviço oferecido pelo NOAA é usado por governos e empresas para acompanhar as mudanças climáticas em todo o mundo.

Leia Também

AUXÍLIO BRASIL AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio Brasil de R$ 600 e vale-gás saem hoje para mais um grupo
BRASIL + POBRE
Estudo mostra alta da pobreza em regiões metropolitanas
ESTERILIZAÇÃO
Senado aprova redução da idade mínima para realização de laqueadura
ASSUSTADOR
VÍDEO: Tromba d´água é registrada no Litoral e assusta moradores
TEMPESTADE
Temporal derruba teto de UTI covid em hospital e pacientes são transferidos às pressas
COVID NO BRASIL
Brasil registra 365 mortes e 30,2 mil casos de covid-19 em 24 horas
ALIVIO NO BOLSO
Corte de impostos deve resultar em nova queda de preços na conta de energia neste mês
TRAGÉDIA
Criança de 8 anos mata cunhado com tiro na cabeça
AGORA É LEI
STF decide que servidor público não pode receber menos que o salário mínimo
TENTATIVA DE ASSASSINATO
Coroinha é esfaqueado no pescoço durante missa em igreja