Menu
SADER_FULL
quarta, 27 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Juiz manda MST desocuparem fazenda invadida em Angélica

19 Out 2006 - 16h29

O juiz Deni Luís Dalla Riva, da Comarca de Angélica, concedeu nesta quinta-feira ao produtor rural Kennedy Ulian mandado de reintegração de posse da Fazenda Macaco que foi invadida ontem por cerca de 500 famílias de trabalhadores rurais sem-terra ligadas ao MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra) e à FAF (Federação da Agricultura Familiar). Pela decisão, os sem-terra têm cinco dias, a contar da notificação, para deixar voluntariamente a área de 2,5 mil hectares que fica localizada às margens da MS-274, que liga a cidade de Angélica ao distrito de Ipezal.

Ainda segundo a determinação do juiz, caso os sem-terra não deixem a fazenda no prazo estipulado, já está autorizado o cumprimento do mandado de reintegração de posse, valendo-se, se necessário, de força policial. Na decisão, Deni Luís Dalla Riva lembrou que, há um ano, já tinha acatado, em caráter liminar, uma ordem reintegratória em virtude dos mesmos sem-terra terem invadido a área, sendo que as famílias deixaram o local, ficando, porém, acampadas à margem da propriedade, mas ontem os sem-terra voltaram a invadir a Fazenda Macaco.

 

 

Fátima News

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Julgue com justiça
LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos