Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 25 de julho de 2021
Busca
Oriente Médio

Jihadistas decapitam segundo jornalista americano no Oriente Médio

O Estado Islâmico ameaçou executar também um refém britânico

2 Set 2014 - 16h20Por Terra

O Estado Islâmico divulgou um vídeo nesta terça-feira mostrando um jihadista mascarado decapitando um segundo jornalista americano, de acordo com o grupo de monitoração terrorista SITE.

A Casa Branca afirmou que ainda é preciso verificar a auteticidade da gravação, que mostra, segundo o SITE, a execução de Steven Sotloff, 31 anos.

No vídeo, ainda, o EI ameaçar executar um refém britânico.

Segundo jornalista é decapitado por terroristas do EI

O militante mascarado condena os ataques americanos contra o Estado Islâmico e corta a garganta de Sotloff. Depois apresenta um segundo refém, identificado como um britânico e ameaça matá-lo.

"Estou de volta, Obama, e estou de volta por causa de sua arrogante política externa em relação ao Estado Islâmico", afirma o jihadista, em aparente referência ao vídeo anterior no qual o jornalista americano James Foley também foi executado por decapitação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Mycchel Legnaghi - São Joaquim online PREVISÃO DO TEMPO
Maior frio do ano? Temperaturas negativas, geada e até neve!
TRABALHO ESCRAVO
Aliciamento de crianças: família de líderes religiosos é presa em operação da polícia
ATO OBSCENO
Homem é detido após entrar nu em culto evangélico
TRAIÇÃO
Vídeo: Mulher flagra marido com travesti dentro do carro e 'pancadaria come solta'
COVID 19 NO BRASIL
Brasil tem 1 órfão por covid a cada 5 minutos: 'Pensamos que crianças não são afetadas, mas sim
SELEÇÃO OLIMPICA
Brasil ameaça passeio em estreia contra a Alemanha, mas desperdiça chance de goleada histórica
TRAGÉDIA NO RIO
Barco vira com nove pessoas matando 3 crianças e 3 adultos
REVOLTA
Mulher tem parte do rosto destruído por ataque de pitbull sem coleira; assista
FLAGRA
Vigilante descobre traição e mata amante da esposa com 3 tiros
SOB INVESTIGAÇÃO
"Te achei!", gritou suspeito antes de matar jovem de 16 anos com 10 tiros