Menu
SADER_FULL
terça, 26 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Ivinhema está apostando no artesanato

16 Ago 2006 - 10h35
O prefeito Renato Câmara (PMDB) esteve na Casa da Cultura prestigiando o encerramento do curso de argila, uma proposta da Prefeitura de Ivinhema, que pretende transformar o município na capital da panela de barro do Centro-Oeste brasileiro. Renato esteve acompanhado da primeira-dama e secretária de Promoção e Assistência Social, Cristiane Iguma Câmara; da secretária de Educação, Cultura e Esporte, Cleonice Colodeto; e do vereador Dedé da Amandina.
Na oportunidade, o prefeito Renato destacou a importância do curso e lembrou que o trabalho não será concluído com apenas este evento. Ele garantiu que o projeto terá continuidade com mais cursos, desta vez de aprimoramento e de novas técnicas de modelação em argila, incluindo, inclusive, a pintura. Renato Câmara citou que esse projeto não vai somente elevar o nome de Ivinhema no cenário nacional, mas, o que é mais importante, promover a geração de emprego e renda no município.
A diretora de Cultura, Eliane Marques, agradeceu a participação de todos, que não mediram esforços em passar uma semana fazendo curso sem desanimar e se empenhando em aprender esta técnica. Ela também elogiou o prefeito Renato pelo apoio que tem dado até agora e pelo anúncio de que pretende oferecer condições o suficiente para a continuidade da proposta de tornar Ivinhema em uma referência em artesanato a partir da argila.
As cursistas também destacaram a iniciativa da Prefeitura de Ivinhema em promover este evento, e que além da promoção do próprio município no cenário nacional e na geração de emprego e renda, um fator que as marcou foi o convívio juntas por uma semana. Essa amizade conquistada, de acordo com elas, fortaleceu ainda mais o trabalho que pretendem fazer a partir de agora na produção de objetos de cerâmica.
A ministrante do curso foi a professora Fania Catarino Martins dos Santos, de Campo Grande. Ela elogiou a qualidade da argila que se encontra em Ivinhema, e lembrou que a cerâmica hoje está em alta, principalmente na produção de utilitários, como panelas , xícaras e pratos. De acordo com ela, em todo o Centro-Oeste e São Paulo não há quem produza estes artesanatos.
Fania também está trabalhando para que as futuras paneleiras criem marcas visando à identificação dos produtos. A idéia é fazer com que onde as panelas sejam comercializadas, as pessoas já identifiquem Ivinhema. Nesta primeira etapa do curso, os 30 cursistas aprenderam a trabalhar com a argila, já na modelação. Depois, haverá outros cursos de técnicas de aperfeiçoamento.

 

Ivinhema News


Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS