Menu
SADER_FULL
quarta, 25 de novembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ALVORADA
Brasil

Irmãs de 15 e 17 anos são apreendidas acusadas de furto no comércio de Dourados

16 Set 2013 - 12h55Por 94 FM

Duas irmãs adolescentes de 15 e 17 anos, moradoras  de Ponta Porã, foram apreendidas por volta das 11h30 de ontem (15), acusadas de furtar várias lojas comerciais do centro de Dourados.

Segundo informações da Polícia Civil, onde o caso foi registrado, as adolescentes furtaram quatro pares de tênis da loja Stúdio Z; 16 calças jeans e um par de sandálias da loja Gabi Calçados, sete calças jeans, uma calça leg, um shorts jeans, três conjuntos shorts/camisa e duas camisetas da loja Stilos Modas e uma panela e uma leiteira da Loja Romera, além de um pote de creme e uma caixa de tinta para cabelo, cuja loja e onde foram furtados não foi identificada.

As adolescentes foram encaminhadas para a delegacia do 1º Distrito Policial de Dourados, onde foram autuadas em flagrante pela prática de furto e transferidas para a Unei (Unidade Educacional de Internação), onde ficaram a disposição da justiça.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGEDIA NA RODOVIA
Violento acidente entre ônibus e caminhão em rodovia provoca 22 mortes
Zezé Di Camargo canta durante velório do pai, Francisco Camargo, em Goiânia  Foto: Vítor Santana G1 TRISTE PARTIDA
Zezé Di Camargo toca sanfona e canta 'É o Amor' durante velório do pai
LUTO NA TV
Fernando Vannucci, apresentador, morre aos 69 anos em São Paulo
AFOGAMENTO
Corpos de adolescentes desaparecidos são encontrados em 'piscinão'
CHACINA
Mulher, marido, filho e amigo são executados em chacina na saída de garimpo
LUTO NA MÚSICA
Morre, aos 83 anos, Seu Francisco, pai da dupla Zezé di Camargo e Luciano
LIGAÇÃO FATAL
Mulher dirige falando no celular, capota carro e morre
ASSASSINATO
Policia persegue e apreende menor que matou líder do PC do B em assentamento
TRISTEZA NA FAMILIA
Menino de 4 anos morre após quebrar o pescoço durante brincadeira
ALTA NO PREÇO
Bolsonaro diz que alta nos preços dos alimentos é consequência do "fique em casa"