Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 18 de maio de 2021
Busca
Brasil

Inter treina pênaltis para enfrentar o Boca

30 Nov 2004 - 15h51
O Inter encerrou os trabalhos para enfrentar o Boca Juniors, amanhã, no segundo jogo pelas semifinais da Copa Sul-Americana. O técnico Muricy Ramalho deu ênfase à cobrança de pênaltis.

"É importante. Se conseguirmos uma vitória por dois gols vamos ter que decidir assim. Temos que estudar todas as possibilidades", afirmou o goleiro Clemer. O aproveitamento do grupo foi razoável no treinamento.

O time está definido com Danilo na vaga do volante Álvaro. "Estou pronto para jogar. O professor ainda não me avisou, mas sabe que pode contar comigo", disse o atacante. Danilo superou a concorrência de Rodrigo Paulista por ter mais experiência e presença de área.

O Inter pretende pressionar o Boca desde o início da partida, mas atuando com paciência. "Não adianta nos atirarmos para a frente e abrir espaços atrás. O jogo tem 90 minutos", concluiu o volante Marabá.

O Inter entrará em campo com Clemer; Wilson, Edinho e Vinícius; Elder Granja, Wellington, Marabá, Danilo e Chiquinho; Diego e Rafael Sóbis. No primeiro confronto, em Buenos Aires, o Boca Juniors venceu por 4 a 2.

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA NO HARAS
Vaqueiro morre ao ser arrastado por boi durante vaquejada, em Paranatama; veja vídeo
Foto: Divulgação/Instagram LUTO NA MÚSICA
MC Kevin morre aos 23 anos no Rio de Janeiro
SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho