Menu
SADER_FULL
sexta, 18 de junho de 2021
Busca
Brasil

Inter, São Paulo e Palmeiras cobram seriedade do Grêmio

30 Nov 2009 - 13h41Por Folha Online

Ainda com chances matemáticas de título no Campeonato Brasileiro, Internacional, Palmeiras e São Paulo desafiam um tabu histórico da era dos pontos corridos para conseguir o feito e já cobram o Grêmio para dificultar a vida do líder, o Flamengo, na última rodada.

Desde o início da era dos pontos corridos, em 2003, jamais um time que foi para a última rodada como líder perdeu o título da competição.

Ontem, com a vitória por 2 a 0 sobre o Corinthians, em Campinas, o Flamengo foi a 64 pontos e chegou à ponta da tabela. Na última rodada, o time carioca recebe o Grêmio, no estádio do Maracanã, no domingo, às 17h (horário de Brasília).

Internacional, Palmeiras e São Paulo, todos com 62 pontos, pedem seriedade ao time gaúcho no duelo no Rio de Janeiro. Isso porque a diretoria do Grêmio já falou em dar férias aos seus principais atletas e fazer o time jogar desfigurado no Maracanã.

A possibilidade de o time de Porto Alegre facilitar o jogo para o Flamengo para evitar que o arquirrival Internacional conquiste o título também é criticada pelos times que sonham com o título.

"Eu jamais entregaria um jogo. Sou profissional e jamais entregaria. Talvez tomasse outra postura. Não é digno de homem. Nem em peladas eu gosto de perder. Mas se outros profissionais têm a postura de entregar o jogo, não posso fazer nada", disse o atacante Alecsandro, do Internacional.

"É uma pena [possível corpo-mole do Grêmio]. Cada um gere sua casa da forma que acha melhor, acho que isso não deveria mais caber no futebol. É ruim para todos, o Palmeiras vai reclamar, o Inter vai reclamar", disse o técnico do São Paulo, Ricardo Gomes.

Ontem, logo após a vitória por 4 a 2 do Grêmio sobre o Barueri, no estádio Olímpico, em Porto Alegre, o meio-campista Souza deu a entender que pode facilitar o jogo para o Flamengo.

"Nenhum jogador quer ficar marcado por ajudar um grande rival. Se vier a ordem para que a gente jogue, a gente vai jogar, se não vier, paciência", falou o atleta.

"Tem que falar com o presidente. Se ele prender, a gente fica preso. Se ele soltar, a gente joga", continuou.

Na última rodada, o Internacional recebe o Santo André, no estádio Beira-Rio. O Palmeiras visita o Botafogo, no Engenhão, enquanto o São Paulo duela contra o Sport, no Morumbi.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado
ANTECIPAÇÃO
Governo antecipa pagamento de parcelas do auxílio emergencial