Menu
SADER_FULL
quinta, 27 de janeiro de 2022
Busca
Brasil

Instituições vão cadastrar clientes para cobrança eletrônica

19 Out 2009 - 17h20Por Agência Brasil

Os bancos já estão prontos para receber a partir de hoje (19) o cadastramento dos clientes interessados em aderir à cobrança eletrônica de suas contas, abolindo de forma opcional os boletos bancários e simplificando seus pagamentos.

O cadastramento pode ser feito por pessoa física ou jurídica em mais de uma instituição bancária. Trata-se do Débito Direto Autorizado (DDA), desenvolvido por 70 bancos com apoio da Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

O sistema é inédito no mundo, segundo o diretor setorial de Serviços Bancários da entidade, Iézio Ribeiro de Sousa.

Já foi feito de forma experimental o pré-cadastramento de 1,044 milhão de clientes. Sousa destaca que o DDA será uma forma prática e segura para pessoas e empresas controlarem suas finanças, evitando uma série de transtornos do dia a dia, com a tramitação dos boletos.

Poderão ser cobradas, mediante autorização do cliente, mensalidades escolares, planos de saúde, condomínios, financiamento de imóvel e de veículo. A cobrança também pode ser suspensa a pedido do interessado. As contas de água, luz, gás e telefone não poderão ser cobradas nesse sistema, apenas por débito em conta, como já é feito.

Atualmente os bancos emitem cerca de 2 bilhões de bloquetos de cobrança por ano, e a expectativa é de que em cinco anos 50% desse total migrem para o DDA. A Febraban vai fazer uma campanha sobre o novo sistema no rádio, na televisão, na internet e nas revistas de bordo de empresas de aviação, explicando ao público como vai funcionar. O setor vai investir R$ 2,5 milhões na propaganda, segundo a Febraban.

O diretor do Departamento de Operações Bancárias e de Sistema de Pagamentos do Banco Central, José Antonio Marciano, afirmou que os bancos poderão cobrar do cliente pelo novo serviço opcional, mas terão que seguir as normas da instituição e do Conselho Monetário Nacional.

O público tem também a seu favor os serviços de proteção ao consumidor, em casos de abuso de tarifação, segundo o diretor. Ele diz que o Brasil sai na frente em automação, mais uma vez, e conta com um dos melhores sistemas de pagamentos do mundo.

Dados divulgados pela Febraban indicam que a abolição do uso total dos boletos eletrônicos significaria uma economia de 1 bilhão de litros de água por ano, reduzindo a emissão de milhões de quilogramas de dióxido de carbono na atmosfera, além da economia de energia.

De acordo com a Febraban, o uso do DDA dará ao cobrador vantagens como agilidade, rapidez, certeza do funcionamento, integridade de dados, e segurança. O público, por sua vez terá facilidade de acesso às contas, sigilo e confidencialidade, segurança, ficará livre de transtornos para  o recebimento de correspondência e terá a vantagem da automação de seus pagamentos.

A implantação do DDA foi anunciada hoje em entrevista coletiva por dirigentes da Febraban e de representantes dos 70 bancos que participaram do desenvolvimento do sistema.

Leia Também

SUBINDO
Brasil em 24 horas, foram registradas 487 mortes por Covid 19 e 183.722 novos casos registrados
joao 5 39 examinais as escrituras 2_3 LIÇÕES DA BIBLIA
Quanto Falta para o Fim do Mundo?
TRAGÉDIA NA IGREJA
Confusão em culto termina com pastor e jovem mortos, 4 baleados e casa incendiada
SOB INVESTIGAÇÃO
Lutador é executado com 12 tiros, sua esposa esta grávida
SEU DINHEIRO
Qualquer cidadão pode consultar se tem valores a receber de instituições financeiras; saiba como
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 259 mortes e 83,3 mil novos casos
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Mãe vê partes íntimas vermelha, pergunta e filha de 2 anos aponta paro o tio
ACASALAMENTO DE COBRAS
Casal sucuri acasalando em rio assusta e impressiona turistas; veja vídeo
MEIO AMBIENTE
O número médio anual de relâmpagos do país aumentará para 100 milhões
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, Brasil registrou mais 135.080 casos e 296 mortes por covid-19