Menu
SADER_FULL
segunda, 10 de maio de 2021
Busca
Brasil

INSS fiscaliza construção civil em Mato Grosso do Sul

6 Set 2004 - 17h17
 

Uma ação fiscal dirigida às pessoas físicas que construíram qualquer tipo de edificação e não efetuaram os recolhimentos devidos ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) já rendeu R$ 1,2 milhão aos cofres da instituição. Foram 261 pessoas convocadas para acertarem seus débitos. Dessas, 69 já efetuaram a quitação e o restante parcelou a dívida.

De acordo com a chefe de serviço da Receita Previdenciária, Elizete Ferreira Mello, da Gerência Executiva do INSS em Campo Grande, essas ações devem continuar. Para agilizar os pagamentos devidos ao INSS, a instituição está enviando às prefeituras municipais o Sisobra (Sistema de Controle e Gerenciamento de Obras) – programa que consiste em um sistema de cadastramento de obras, sem nenhum ônus para as mesmas.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'