Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 21 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Índice de homicídios cairam 11,9% em MS

24 Fev 2011 - 16h42Por Notícias MS

Mato Grosso do Sul apresenta o menor índice de homicídios da região Centro-Oeste e obteve registros menores do que a média nacional, de acordo com dados do Mapa da Violência 2011: Jovens do Brasil, divulgado pelo Ministério da Justiça.

Conforme os números do estudo, o Estado apresentou crescimento de 3,1% no índice de homicídios entre 1998 e 2008, observada a população total da região. Número bastante inferior à média nacional que foi de 19,5%. O levantamento aponta ainda que se considerados grupos de 100 mil habitantes a taxa de homicídios em Mato Grosso do Sul caiu razoavelmente, apresentando déficit de 11,9%.

Verificando os índices da região Centro-Oeste, Mato Grosso do Sul obteve uma elevação menor que a registrada em outros estados: Mato Grosso teve crescimento de 11,3% no índice de homicídios; o Distrito Federal obteve média de 21,3% e em Goiás o percentual médio ficou em 175,8%, considerando os registros de 1998 a 2008.

Ao analisar as capitais de cada unidade da federação, o levantamento do Ministério da Justiça aponta ainda, que Campo Grande registrou queda no número de homicídios na população total da cidade. O estudo mostra que a capital sul-mato-grossense apresentou diminuição de 17,3% neste índice. Quando são observados grupos de 100 mil habitantes a queda é ainda maior, chegado ao nível de 29,8%.

Nos dez anos analisados no documento do Ministério da Justiça, Campo Grande caiu dez posições no ranking de taxas de homicídios. Enquanto em 1998 a Capital aparecia em 13ª colocação, no ano de 2008 a cidade chegou ao 23º lugar entre as 27 capitais.

Considerando a taxa de homicídios entre grupos de 100 mil habitantes, com 18 a 24 anos, a Capital também apresentou queda no índice, com déficit de 4,9%. Neste sentido, a cidade também perdeu posições entre as capitais com maior número de homicídios, saindo da 14ª posição em 1998 e ocupando a 22ª em 2008.

O levantamento foi elaborado pelo Instituto Sangari em parceria com o Ministério da Justiça. O estudo apresenta um diagnóstico sobre como a violência tem levado à morte brasileiros, especialmente os jovens, nos grandes centros urbanos e também no interior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro