Menu
SADER_FULL
domingo, 27 de setembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Incêndio ameaça Pantanal na Bolívia, no Paraguai e no Brasil

8 Jul 2010 - 18h45Por Folha Online

Um gigantesco incêndio na fronteira entre Bolívia, Brasil e Paraguai, originado por uma grande seca, está saindo do controle, colocando em risco matas dos três países e ameaçando o Pantanal. Uma reserva natural já foi afetada pelo fogo.

"O fogo é incontrolável, dá para vê-lo a quilômetros de distância. Quando começou, há duas semanas, constatamos que vinha do Brasil e afetava também o lado paraguaio", declarou à agência de notícias France Presse a diretora do parque nacional boliviano Pantanal Otuquis, afetado pelo incêndio. O Ibama contesta que o problema tenha começado do lado brasileiro da fronteira (leia mais abaixo).

O parque fica no sudeste da Bolívia e tem extensão de 1 milhão de hectares. Sua área abrange o trecho boliviano do Pantanal.

Em Assunção, a ONG Guyrá Paraguay afirmou em comunicado que "o incêndio está avançando para a zona do rio Negro, limite do Paraguai com a Bolívia. Tem 15 km de largura e está apenas 26 km ao norte da estação Tres Gigantes", na localidade de Bahía Negra. Fortes ventos, de quase 30 km/h, estão atiçando o fogo.

Robert Salvatierra, diretor do Parque Nacional Noel Kempff, também na Bolivia, afirmou que a seca nessa época é um processo natural. "Mas ela está ficando mais séria porque começa mais cedo e com mais intesidade, por causa da mudança climática", disse Salvatierra. Descuidos com o manejo de pastagens podem ter iniciado o problema, afirma ele.

IBAMA REBATE

O coordenador do Prevfogo (Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais) do Ibama no Mato Grosso do Sul, Márcio Yule, contestou as informações do governo boliviano. Ele afirma que o incêndio começou na Bolívia e, agora, avança em direção ao Brasil.

"O fogo está do lado boliviano, próximo à fronteira com o Mato Grosso do Sul, e nós estamos acompanhando seu deslocamento", afirmou.

Segundo ele, o Estado tem brigadas de incêndio em quatro municípos pantaneiros, o que garantiria uma ação rápida caso o fogo chegasse ao Brasil.

O Corpo de Bombeiros do Mato Grosso do Sul também rebateu a versão boliviana. Por meio de sua assessoria, a corporação negou que um incêndio de grandes proporções tenha começado no Estado e avançado em direção ao Pantanal da Bolívia.

No Mato Grosso, o Ibama e o Corpo de Bombeiros também negaram grandes focos próximos à fronteira.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'
Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso