Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 12 de maio de 2021
Busca
Brasil

Homem esfaqueia 12 crianças em escola na China

3 Dez 2004 - 09h23
Um homem invadiu hoje uma escola primária no nordeste da China na sexta-feira e esfaqueou 12 alunos, no mais recente de uma série de ataques do tipo, informou a agência de notícia Xinhua. A identidade do agressor é desconhecida.

O homem foi capturado e as crianças feridas foram levadas a um hospital próximo à escola na Província de Jilin. Os ataques a escolas infantis na China nos últimos meses fizeram com que as instituições em Pequim e em outras cidades contratassem guardas.

No mês passado, um homem entrou em uma escola na Província de Henan e matou oito crianças enquanto dormiam. Um motorista de ônibus esfaqueou 24 crianças de uma escola primária com uma faca de cozinha e seqüestrou uma garota de nove anos na Província de Shandong em setembro.

No mesmo mês, um homem armado com uma faca e bombas caseiras atacou 28 crianças em um jardim-de-infância na cidade de Suzhou, perto de Xangai. Nesta ocasião, ninguém morreu. Em agosto, um vigilante esfaqueou 17 pessoas em uma escola de Pequim, matando uma criança.

 

Reuters

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias