Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 10 de maio de 2021
Busca
Brasil

Homem cofessa estrupo contra a filha de dois anos

15 Set 2004 - 17h27
O lenhador João Batista Centurion de 22 anos morador no Bairro Morada do Sol em Fátima do Sul, confessou há pouco o estupro de uma filha e dois anos de idade que morreu depois do crime de parada respiratória.

Segundo informações da delegada Magali Leite Cordeiro Pascoal, ao site Dourados News, na noite passada João pediu para a mulher dormir na sala e se deitou na cama com a menina e com um filho de dez meses. A mãe contou para a delegada que durante a madrugada escutou a menina chorando, mas que depois ela se calou.

Hoje cedo João teria saído para trabalhar em uma fazenda na 7ª Linha e a menina apresentou problemas de saúde. Ainda segundo a mãe quando ela foi dar banho na garota notou manchas de sangue pelo corpo e ferimentos na vagina e no ânus da criança. No hospital da SIAS  (Sociedade Integrada de Assistencia Social) a menina apresentou uma parada respiratória e morreu.

A direção do hospital acionou a Delegacia da Mulher de Fátima do Sul. Uma equipe esteve na 7ª Linha onde prendeu João Batista que confessou o crime. Ele está sendo autuado em flagrante e sendo encaminhado para a cadeia pública de Fátima do Sul. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'