Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Hernanes é expulso, e Brasil volta a perder para um grande

10 Fev 2011 - 07h00Por Folha Online

A seleção brasileira começou a temporada 2011 com derrota diante de um grande time do futebol mundial. Perdeu para a França por 1 a 0, com gol de Benzema, no Stade de France, em Saint-Denis, o mesmo palco da final da Copa-1998.

Em um lance duro, Hernanes levantou muita a perna e acertou um chute no peito de Benzema, aos 38min do primeiro tempo, quando o jogo ainda estava 0 a 0. O brasileiro foi expulso de campo.

A partida desta quarta-feira foi a quinta do técnico Mano Menezes no comando da seleção. Contra times sem tradição, o treinador viu a sua equipe brilhar. No ano passado, o time venceu os Estados Unidos, o Irã e a Ucrânia. Mas, perdeu para a poderosa Argentina.

Em março, a seleção deve jogar dois amistosos --os adversários ainda não foram definidos-- visando a Copa América, em julho, na Argentina.

Nesta noite, o Brasil novamente encontrou a França no Stade de France --foi nesse estádio que a equipe local triunfou em 1998 quando conquistou o título mundial ao vencer o Brasil por 3 a 0 na final.

A França, que caiu ainda na primeira fase da Copa do Mundo da África do Sul, se tornou uma grande pedra do caminho da seleção brasileira. A última vitória do Brasil sobre esse rival foi em agosto de 1992.

O duelo França x Brasil também serviu para a Nike estrear os dois uniformes. A partir de hoje, o time francês também passou a usar a roupa dessa empresa de material esportivo.

Mano, que chamou só jogadores que atuam fora do Brasil, armou a equipe com Alexandre Pato e Robinho no ataque, e um quarteto no meio de campo com Renato Augusto, Hernanes, Elias e Lucas. No gol, Júlio César voltou ao posto.

O Brasil esteve bem em campo durante o primeiro tempo, apesar do bom início francês, que chegou a assustar em chute de Benzema.

Mas, com tranquilidade e com um bom toque de bola, a equipe brasileira se impôs. Destaques para Pato e Robinho, que atormentaram bastante a defesa rival.

A situação da seleção se complicou aos 39min. Benzema chapelou Lucas e também foi passar por Hernanes quando o ex-são-paulino acertou um chute no peito do francês. O árbitro alemão mostrou o cartão vermelho para Hernanes.

No intervalo do jogo, Robinho falou para a TV Globo. "Fica mais difícil com um jogador a menos, já que eles tocam bem a bola. Vamos ter de ir para o sacrifício", disse o atleta

No segundo tempo, a França começou muito melhor e não demorou para abrir o placar. Depois de boa jogada pela ponta direita, a bola foi cruzada, e Benzema balançou as redes, aos 8min.

O lance animou os franceses, que pressionaram o Brasil. Nesse momento, Júlio César apareceu bem com difíceis defesas.

O Brasil até esboçou uma reação, mas não mostrou muita força, e a França controlou a partida.

Durante a partida, Mano fez quatro alterações. Colocou Jadson, Sandro, Hulk e André, e tirou Renato Augusto, Robinho, Alexandre Pato e Elias. Mas, o Brasil não chegou ao empate.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS