Menu
SADER_FULL
sábado, 4 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Helena Meirelles recebe alta e deixa a Santa Casa

8 Jul 2004 - 10h54
 

A violeira Helena Meirelles, 79 anos, recebeu alta agora há pouco e deixa a Santa Casa depois de 13 dias internada por conta de uma pneumonia que a abateu pela terceira vez. Ela sai em companhia do filho e sua assessora particular, Dirce Gonçalves. De acordo com Dirce, Helena ainda está bastante fraca e seu estado de saúde inspira cuidados, mas em companhia da família e dos filhos, a tendência é que ela melhore logo.

“Acredito que em 20 dias ela já deva estar querendo dançar”, afirmou. Dirce diz que a violeira está bastante contente e agradece a preocupação dos fãs, que não deixaram de manter contato e mandar flores e orações pela sua melhora. No dia 13 de agosto, Helena Meirelles completa 80 anos e participa do lançamento do documentário sobre sua vida de violeira em Mato Grosso do Sul.

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

PREVENÇÃO COVID 19
Giovanna Antonelli viraliza ao mostrar truque para evitar contaminação
FEMINICÍDIO
Marido é preso após matar mulher asfixiada e na fuga causa acidente de carro e deixa 08 feridos
BORA PRA BONITO - MS - REABERTO
Hotel Águas de Bonito reabre com segurança e estrutura proporcionada para o aconchego em Bonito (MS)
BRASIL - 62.045 MORTES
Brasil passa de 62 mil mortes pelo novo coronavírus
COISA MEDONHA
Homem quebra túmulo e é visto dançando com o corpo da avó
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Exército abre seleção com vagas temporárias para MS e salários de até R$ 7,5 mil
FÁTIMA DO SUL - NOSSOS ANJOS DA GUARDA
Guerreiros de Fátima do Sul fazem semana de prevenção contra incêndio, hoje é dia do BOMBEIRO
BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro