Menu
SADER_FULL
segunda, 19 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Governo vai incentivar silvicultura na Rodovia Sul-Fronteira

10 Jun 2010 - 09h03Por Notícias.MS

A pavimentação da rodovia Sul-Fronteira, iniciada no final de abril, vai contribuir para ampliação da área de reflorestamento em Mato Grosso do Sul. A rodovia, com 31 quilômetros de extensão, vai interligar sete municípios entre Ponta Porã e Mundo Novo.

 

 

Na faixa de fronteira com o Paraguai será incentivada a silvicultura, plantação de florestas para exploração vegetal ou replantio de áreas degradadas. Nos últimos quatro anos a área de florestas plantadas dobrou no Estado, passando de 150 mil para 310 mil hectares. 

O incentivo à diversificação da matriz econômica de Mato Grosso do Sul é um dos projetos do governo atual, que investe em ações estratégicas para o desenvolvimento do Estado.

As proporções do setor de reflorestamento no Estado surpreenderam o senador por Mato Grosso Gilberto Flávio Goellner, que participa do Segundo Congresso Florestal em Campo Grande. “Mato Grosso do Sul acertou o passo”, comentou Goellner, afirmando que o setor sul-mato-grossense  está 20 anos à frente do vizinho Mato Grosso.

Rodovia

A pavimentação da rodovia deve ser concluída até o fim do primeiro semestre de 2011. A estrada passa pelos municípios de Ponta Porã, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas, Japorã e Mundo Novo. De acordo com estudos da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), a pavimentação vai contribuir para redução em até 46% nos custos operacionais dos veículos que trafegam pela rodovia e 50% no tempo gasto pelos motoristas, além de facilitar o escoamento da produção agrícola da região.

A área disponível para plantio de floresta tem largura média de 15 quilômetros totalizando 340 mil hectares. A produção de madeira vai possibilitar a instalação de indústrias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL - 153.905 MORTES
Brasil registra 10,9 mil novos casos de covid-19 em 24 horas
AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa paga hoje auxílio emergencial de R$ 300 a 1,6 milhão do Bolsa Família
BRASILEIRÃO
Com possível 'adeus' de Soteldo, Santos vence o Coritiba fora de casa
HORÁRIO DE VERÃO
HORÁRIO DE VERÃO: Brasil não terá horário de verão pelo segundo ano consecutivo
GOVERNO NA CONTRA-MÃO
Bolsonaro: Vacina contra a covid-19 não será obrigatória
BRASIL -152.460 MORTES
Covid-19: Brasil tem 713 óbitos e 28.523 novos casos em 24h
INSS - BLOQUEIO
INSS prorroga interrupção de bloqueio de benefícios
TRAGÉDIA
Bebê de 1 ano morre após ser mordido por cachorro Chow-chow
Coronel Fernanda diz que sobreviveu por obra de Deus SUSTO
Avião com candidata ao senado cai no interior de MT; veja vídeo
FAMOSIDADES
'Não tive outra escolha', diz Suita sobre separação de Gusttavo Lima