Menu
SADER_FULL
domingo, 25 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Governo prevê R$ 60 milhões para hospitais de AL e PE

29 Jun 2010 - 12h11Por G1

O Ministério da Saúde calculou em R$ 60 milhões o volume de recursos necessários para recuperar hospitais e unidades de saúde atingidas pelas enchentes em Alagoas e Pernambuco. O balanço dos prejuízos foi divulgado nesta terça-feira (29), por Guilherme Franco Neto, diretor de Vigilância Ambiental e Saúde do Trabalho do ministério.

Em Alagoas e em Pernambuco, 157 mil pessoas estão fora de casa devido às chuvas que atingem a região desde a semana passada. O número de mortes causadas pelas enchentes, nos dois estados, chegou a 54, de acordo com o que foi divulgado pela Defesa Civil nesta segunda-feira (28).

"O Ministério da Saúde estimou em R$ 30 milhões em cada estado o volume de recursos necessários para reconstruir os hospitais e postos de saúde atingidos", disse Franco Neto. Segundo ele, os recursos devem ser liberados por meio de medida provisória, que será assinada nos próximos dias pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O volume exato de recursos será definido no final do dia, quando o Ministério da Saúde concluir o balanço total dos prejuízos.

De acordo com o diretor do Ministério da Saúde, Alagoas foi o estado que sofreu mais prejuízos. Em 20 municípios do estado, as unidades básicas de saúde não funcionam ou funcionam parcialmente, devido aos estragos causados pelas chuvas. Em Pernambuco, dois hospitais foram atingidos.

Em reunião nesta terça-feira, no Ministério da Saúde, também foi discutida a necessidade de reforçar a segurança sanitária e epidemiológica. Segundo Franco Neto, em Pernambuco, já foi confirmado o primeiro caso de leptospirose.

Para evitar que novos casos ocorram, o Ministério da Saúde vai trabalhar em conjunto com a Defesa Civil. Agentes de saúde levarão cartilhas do ministério com informações sobre como evitar doenças. Foram enviadas 10 mil cartilhas para cada estado.

A Defesa Civil vai adquirir cloro para desinfetar as casas, muitas delas com lama, o que facilita a contaminação da água e dos alimentos.

O governo já enviou 22 kits de saúde para Alagoas e 53 para Pernambuco. Cada um atende a 1500 pessoas e contém antibióticos, seringas, antitérmicos, gases, luvas, esparadrapos e outros materiais médicos. Nesta segunda-feira foram enviadas mais 200 mil doses de vacinas, 13 mil diluentes e mil unidades de soros antitetânicos para o estado de Alagoas. Pernambuco já havia recebido 500 mil vacinas nos últimos dias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SIM A VIDA
Brasil se une a Egito, Indonésia, Uganda, Hungria e EUA em declaração contra o aborto
Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
BRASIL - 155.403 MORTES
Covid-19: Brasil tem 24.818 novos casos em 24 horas
AJUDA
Caixa Econômica paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
BRASIL - 154.176 MORTES
Covid-19: Brasil tem mais 271 óbitos e 15.383 novos casos em 24h
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos