Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 31 de julho de 2021
Busca
Brasil

Governo prevê R$ 60 milhões para hospitais de AL e PE

29 Jun 2010 - 12h11Por G1

O Ministério da Saúde calculou em R$ 60 milhões o volume de recursos necessários para recuperar hospitais e unidades de saúde atingidas pelas enchentes em Alagoas e Pernambuco. O balanço dos prejuízos foi divulgado nesta terça-feira (29), por Guilherme Franco Neto, diretor de Vigilância Ambiental e Saúde do Trabalho do ministério.

Em Alagoas e em Pernambuco, 157 mil pessoas estão fora de casa devido às chuvas que atingem a região desde a semana passada. O número de mortes causadas pelas enchentes, nos dois estados, chegou a 54, de acordo com o que foi divulgado pela Defesa Civil nesta segunda-feira (28).

"O Ministério da Saúde estimou em R$ 30 milhões em cada estado o volume de recursos necessários para reconstruir os hospitais e postos de saúde atingidos", disse Franco Neto. Segundo ele, os recursos devem ser liberados por meio de medida provisória, que será assinada nos próximos dias pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O volume exato de recursos será definido no final do dia, quando o Ministério da Saúde concluir o balanço total dos prejuízos.

De acordo com o diretor do Ministério da Saúde, Alagoas foi o estado que sofreu mais prejuízos. Em 20 municípios do estado, as unidades básicas de saúde não funcionam ou funcionam parcialmente, devido aos estragos causados pelas chuvas. Em Pernambuco, dois hospitais foram atingidos.

Em reunião nesta terça-feira, no Ministério da Saúde, também foi discutida a necessidade de reforçar a segurança sanitária e epidemiológica. Segundo Franco Neto, em Pernambuco, já foi confirmado o primeiro caso de leptospirose.

Para evitar que novos casos ocorram, o Ministério da Saúde vai trabalhar em conjunto com a Defesa Civil. Agentes de saúde levarão cartilhas do ministério com informações sobre como evitar doenças. Foram enviadas 10 mil cartilhas para cada estado.

A Defesa Civil vai adquirir cloro para desinfetar as casas, muitas delas com lama, o que facilita a contaminação da água e dos alimentos.

O governo já enviou 22 kits de saúde para Alagoas e 53 para Pernambuco. Cada um atende a 1500 pessoas e contém antibióticos, seringas, antitérmicos, gases, luvas, esparadrapos e outros materiais médicos. Nesta segunda-feira foram enviadas mais 200 mil doses de vacinas, 13 mil diluentes e mil unidades de soros antitetânicos para o estado de Alagoas. Pernambuco já havia recebido 500 mil vacinas nos últimos dias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CÃOPAINHA
Cachorro toca campainha após ficar trancado fora de casa
SONHO INTERROMPIDO
Ultimo ensaio fotográfico minutos antes de médico sofrer choque e morrer nas vésperas de casamento
OLIMPÍADA
Rebeca é prata e faz história na ginástica olímpica em Tóquio
FENÔMENO DA NATUREZA
Chuva de meteoros será visível na madrugada de quinta para sexta em todo Brasil
A CASA CAIU
Mulheres se unem e surram "valentão" flagrado agredindo ex no meio da rua
CRISE HÍDRICA
Novas fontes preparam MS para a crise hídrica, ressalta governador
ABAIXO DE ZERO
Com -8,6°C, SC registra a menor temperatura do Brasil em 2021, diz Inmet
COVID-19
Em dia de aumento de casos Brasil tem 1.333 óbitos por Covid - 19 nas últimas 24 horas
CONCURSO PÚBLICO
Caixa Econômica convocará 9 mil de concursos e abre mais mil vagas
BRASIL - 550.502 MORTES
Covid-19: país ultrapassa 550 mil mortes e tem 19,7 milhões de casos