Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 13 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Governo estimula parcerias entre pequenas empresas

2 Ago 2004 - 13h57
Os arranjos produtivos locais são uma forma inteligente e rápida de tornar as pequenas empresas mais competitivas. Por isso, o presidente Luiz Inácio Lula a Silva está dando prioridade a eles, disse, pela manhã, durante entrevista à NBr, TV a cabo da Radiobrás, o secretário Carlos Gastaldoni, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Com os arranjos, diminuem as dificuldades que as pequenas empresas vêm trabalhando isoladas umas das outras, acrescentou o secretário, lembrando que “quando elas trabalham juntas, é mais fácil, mais rápido e mais barato.

Gastaldoni afirmou que “os arranjos produtivos locais são aglomerados de empresas que trabalham próximas e dentro de uma mesma cadeia produtiva” (veja a matéria: Pequenas empresas terão recursos de diversos ministérios e bancos oficiais).

Isso quer dizer que as empresas têm que ser parceiras dentro de uma cadeia que começa com um fornecedor de matéria-prima, passa pelo fabricante de um produto semi-acabado e depois outro empresário, que faz o produto final. Essa idéia - de cadeia produtiva - é importante, disse o secretário, porque as empresas passam a se ver como parceiras, "para que a gente possa obter os ganhos que imaginamos serem possíveis”, declarou Gastaldoni.

“É muito importante a gente entender que é fácil conseguir ganhos de competitividade com ações sérias”. A dificuldade vem da falta de coordenação: “No momento em que você tem todos os órgãos de governo e a sociedade civil apoiando essas empresas de uma forma integrada e coordenada, o desempenho, a competitividade e os ganhos são muito maiores”, insistiu o secretário, para justitificar o processo de parcerias.

Gastaldoni disse ao jornal NBr Manhã que criar parcerias é um dos objetivos da primeira Conferência Brasileira sobre Arranjos Produtivos Locais, que começa hoje, com a presença do Presidente Lula e diversos ministros, e vai até quarta-feira, em Brasília.

A abertura será às 19h, no Clube Militar.
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA CORONAVIRUS
Filho de ex-jogador famoso vende geleias e não vê o pai há nove anos
SOB INVESTIGAÇÃO
Maria Aldenir lutou com assassino, mas viu a filha ser morta com 24 facadas
AVANÇO DA PANDEMIA
Mais 903 casos e 33 mortes por coronavírus foram registrados em 24h em MT
BRASIL - 71.515 MORTES
Brasil tem 1.842.127 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
MAIS UM
Vírus com potencial pandêmico é detectado pela Fiocruz no Paraná
VÍTIMAS DE COVID-19
Mãe de médico morre horas após o filho e dois dias após o pai, vítimas da covid
VÍTIMA DE COVID-19
Covid tira de cena um dos últimos montadores do carro brasileiro
CD TRIBUTO AO PADRE ZEZINHO
No ano em Padre Zezinho faz 79 anos, Manoel Caires lança seu primeiro CD 'Tributo ao Padre Zezinho'
PAGAMENTO DO AUXILIO
Confira o calendário para saque em dinheiro do auxílio emergencial
AUXILIO EMERGENCIAL
Governo vai liberar mais 1,5 milhão de auxílios. Saiba como reclamar se o seu for negado