Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 27 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Governo distribuirá kits do Detran-MS em período eleitoral

30 Jul 2010 - 09h34Por Mídia Max

Meses após a polêmica envolvendo agendas do Detran-MS com a foto do governador André Puccinelli (PMDB), o governo do Estado conseguiu na Justiça Eleitoral autorização para confeccionar e distribuir camisetas e kits pedagógicos referentes a atividades planejadas que serão desenvolvidas pelo órgão de trânsito no período eleitoral.
O governo alegou que a ação do Detran/MS consiste em campanha sócio-educativa ligada ao trânsito nos municípios de Mato Grosso do Sul, com “o objetivo de levar educação para o trânsito e sensibilizar estudantes, educadores das escolas públicas e privadas e profissionais da área de trânsito”.

Consultada, a Procuradoria Regional Eleitoral, manifestou-se pela procedência do pedido de divulgação da publicidade institucional da mencionada campanha, desde que não haja referência ao Governo do Estado de Mato Grosso do Sul e sua logo “Rumo ao Desenvolvimento”, como também a fotos ou alusões a agentes públicos escolhidos em convenção relativa às eleições deste ano.

Relator do pedido, o presidente do TRE-MS, desembargador Luiz Carlos Santini autorizou a confecção do material e divulgação da campanha, mas impôs restrições em acordo com a legislação eleitoral. Explicou, por exemplo, que a campanha deve ter impessoal e suprapartidário,sem qualquer menção a agente político ou partido político, seja direta ou indiretamente, seja escrita, falada ou visual.

As agendas escolares do Detran-MS renderam longo polêmica entre os deputados de oposição e a base aliada na Assembleia Legislativa. Além da foto do governador, na página de apresentação do livrinho, fato que os petistas classificaram como propaganda pessoal, o valor da agenda também rendeu muitos debates.

As notas de remessa encaminhadas com o produto às escolas apontavam valor unitário de R$ 56,00. Mas, o governo alegava que o produto não custava mais do que R$ 7,48. Após semanas de discussão, o Poder Executivo admitiu que houve erro na confecção das notas de remessa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'
Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso