Menu
SADER_FULL
quinta, 24 de setembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Governo cria novas regras para a avicultura em MS

8 Nov 2010 - 14h50Por A Critica

Um decreto publicado hoje pelo governo de Mato Grosso do Sul estabelece novas regras para o registro, controle, fiscalização, inspeção ou vistoria do setor da avicultura no Estado, para impedir a proligeração de doenças. Uma das exigências é que todos os estabelecimentos avícolas que se enquadram na legislação sejam registrados no cadastro da Agestado (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal).

Além do cadastro, os locais de criação estar adequadas às exigências da Iagro. Para as granjas já existentes, foi estipulado o prazo até 6 de dezembro de 2012 para se adequarem às regras.

As mudanças estão sendo aplicadas para atender exigência do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) para que as unidades da federação que fazem parte do Programa Nacional de Sanidade Avícola disciplinem a atividade econômica em cada região.

Ao justificar as medidas adotadas, o texto do decreto também ressalta a importância econômica e social das atividades relacionadas com a avicultura na economia estadual.

Localização-São estabelecidas no decreto regras para a localização adequada dos estabelecimentos avícolas. De acordo com a publicação, devem ser áreas “não sujeitas a condições adversas que possam interferir na saúde ou no bem-estar das aves ou na qualidade de seus produtos ou subprodutos”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso
Na Pandemia, filas são imensas na CEF de Fátima do Sul-MS AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera hoje saques do auxílio emergencial para mais 3,6 milhões