Menu
SADER_FULL
segunda, 26 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Governo adia período de inscrições para o Enem 2007

17 Mar 2007 - 04h44

O Governo federal adiou o período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) edição 2007, que agora podem ser feitas de 14 de maio a 15 de junho nas agências da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT). Anteriormente, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão que aplica o exame, havia anunciado que as inscrições deveriam ser feitas de 16 de abril a 18 de maio.

Segundo a assessoria de imprensa do Inep, o adiamento foi feito por questões operacionais de divulgação do exame. Os candidatos devem receber os cartões de  confirmação de inscrição até 17 de agosto.

As datas estipuladas para os casos de atendimentos especiais e para os atendimentos nas unidades prisionais e hospitalares foram adiadas para 29 de junho. De acordo com o Inep, os demais eventos do calendário permanecem com as datas originais.

O Enem será realizado no dia 26 de agosto. O exame não é obrigatório e é aplicado a alunos que já terminaram (egressos) e para aqueles que finalizam (concluintes) os estudos do ensino médio em 2007.

A prova será como as edições anteriores, com 63 questões de múltipla escolha sobre o ensino e médio e uma redação. Os boletins individuais de resultados serão enviados para os participantes na segunda quinzena de novembro, no endereço indicado na ficha de inscrição.

O exame avalia o desempenho dos estudantes e a nota é utilizada como critério de seleção ou ''bônus'' em várias universidades do país. Também é preciso fazer o exame e tirar nota mínima de 45 pontos para concorrer a uma bolsa do Programa Universidade para Todos (ProUni), que dá descontos de 50% e 100% nas mensalidades de instituições privadas de ensino superior.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL - 157.134 MORTES
Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19
AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
SIM A VIDA
Brasil se une a Egito, Indonésia, Uganda, Hungria e EUA em declaração contra o aborto
Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
BRASIL - 155.403 MORTES
Covid-19: Brasil tem 24.818 novos casos em 24 horas
AJUDA
Caixa Econômica paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência