Menu
SADER_FULL
terça, 13 de abril de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Governador Zeca anuncia estadualização do porto de Ladário

20 Out 2004 - 17h38
O governador Zeca do PT obteve a garantia do ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, de que o porto de Ladário passará por obras de completa revitalização e modernização, e em seguida sua administração será transferida para o Estado. O governador e o senador Delcídio do Amaral foram recebidos em audiência pelo ministro, hoje à tarde, e trataram também de projetos de melhorias na infra-estrutura rodoviária e ferroviária de Mato Grosso do Sul.

Calcula-se que será necessário investimento de R$ 30 milhões para transformar o porto de Ladário em um terminal moderno e com capacidade para atender a demanda futura de transporte da região, que será incrementada com a implantação dos pólos gás-químico e minero-siderúrgico em Corumbá. O senador Delcídio do Amaral se comprometeu a apresentar emenda ao Orçamento da União de 2005 destinando R$ 10 milhões para o início das obras.

Com relação à reforma da estrada-de-ferro da antiga Noroeste do Brasil (NOB), ligando Bauru (SP) a Corumbá (MS), o ministro dos Transportes garantiu apoio necessário para o que considera “o mais avançado projeto ferroviário do país”. Nascimento disse que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva já havia determinado atenção especial à recuperação da ferrovia e ao projeto de retorno do Trem do Pantanal.

Sobre esse assunto o governador conversou hoje à tarde também com o presidente da Brasil Ferrovias, Elias Nigre, no Escritório de Representação de Mato Grosso do Sul em Brasília. A Brasil Ferrovia detém a concessão de uso da ferrovia e está empenhada em sua recuperação. Nigre confirmou a participação – como investidores – dos fundos de pensão do Banco do Brasil (Previ) e da Caixa Econômica Federal (Funcef) no financiamento da obra, orçada em R$ 120 milhões; disse que os trabalhos de restauração da ferrovia prosseguem e serão entregues dentro do prazo previsto.

Zeca e Delcídio reiteraram, ainda, ao ministro Alfredo Nascimento o pedido de urgência na liberação de recursos para a execução de obras de manutenção nas rodovias consideradas importantes eixos de escoamento do tráfego pesado no Estado, como é o caso das BRs 262, 158 e 163. O governador convidou o ministro a vir ao Estado em meados de novembro a fim de lançar, em Corumbá, a restauração do porto e anunciar outros investimentos em infra-estrutura. Fernandes prometeu estudar o convite e dar uma resposta o mais breve possível.

Em busca da solução de entraves técnicos e da viabilização de recursos para apressar as obras na ferrovia, o governador se comprometeu a procurar a diretoria da ANTT (Agência Nacional dos Transportes Terrestres) e também do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). Essas reuniões podem acontecer já na próxima semana, adiantou Zeca, que solicitou também audiência com o presidente Lula para quarta-feira a fim de tratar do tema.
 
 
Agência Popular

Deixe seu Comentário

Leia Também

EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições
MORTANDADE
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
COPA LIBERTADORES
Santos vence o San Lorenzo na Argentina e abre vantagem por vaga nos grupos da Libertadores
FATALIDADE
Técnico de informática morre após levar choque a partir de fone de ouvido
CANALHA
Pai comete estupro e diz que filha precisa saber "como é ter um homem"
SOB INVESTIGAÇÃO
Cantor gospel e pastor é encontrado morto e amarrado em árvore
CONTAMINAÇÃO
Igrejas superam mercado e consultório médico em risco de transmissão de Covid-19, aponta estudo