Menu
SADER_FULL
segunda, 13 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Furacão faz maior goleada do Brasileiro: 6 a 0 sobre o Goiás

14 Jul 2004 - 07h54
O que faltava ao Atlético-PR nesse Campeonato Brasileiro era convencer seus torcedores de que a equipe tem time para chegar às primeiras posições da tabela. E parece que dessa vez o Furacão conseguiu. Goleou o Goiás por 6 a 0 na Arena da Baixada, na maior goleada do torneio até agora, acabou com a invencibilidade de sete partidas dos goianos e ainda viu Washington, que marcou três vezes, chegar à vice-artilharia da competição, com 10 gols.

Os paranaenses, que agora têm 24 pontos na competição, dominaram a partida durante todo o tempo e não deram chances ao Goiás, que continuou com 23 pontos. Washington e Dagoberto levaram o Furacão pra frente e venceram todas as disputadas com a zaga do Verdão.

O jogo: O Atlético-PR não deu chances ao Goiás desde o primeiro minuto de jogo. Aos sete minutos do primeiro tempo, Dagoberto invadiu a área e o goleiro Rodrigo Calaça impediu aquele que seria o primeiro gol da partida.

O primeiro lance de perigo dos goianos aconteceu apenas aos nove minutos, numa tentativa de Leandro que foi por cima do gol de Diego. A partir daí ficou caracterizado o primeiro tempo: o ataque atleticano vencendo todas as disputas com a zaga goiana e o Verdão só investindo nos contra-ataques.

Aos 28 minutos do primeiro tempo, Dagoberto cruzou forte da direita e a bola desviou no zagueiro João Paulo, enganando o goleiro Calaça.

O Goiás sentiu bastante o gol atleticano e tentou se fechar atrás. Não adiantou muito. Aos 40 minutos, Ilan venceu a disputa contra dois marcadores goianos e tocou para Washington, que não desperdiçou. O Atlético ampliava o placar: 2 a 0.

Ao final do primeiro tempo, o Furacão diminuiu o ritmo da partida e parou de atacar.

No segundo tempo, o Goiás começou melhor, tentanto diminuir a vantagem dos paranaenses. A entrada de Thiago deu mais movimentação ao Verdão.

No entanto, com a defesa aberta, o Goiás não conseguiu impedir que o Atlético ampliasse o placar. Aos 10 minutos, Dagoberto lançou Washington, que chutou no canto direito de Calaça e marcou seu segundo gol na partida. Dois minutos depois, Ilan dribla o zagueiro João Paulo e marca o quarto do Atlético.

Com o placar totalmente desfavorável e a expulsão de Jadílson, aos 15 minutos do segundo tempo, o Goiás ficou completamente vendido em campo. O time tentou partir para o ataque, mas deixou espaços na zaga que o Furacão não desperdiçou.

Os paranaenses ainda marcaram mais duas vezes. Aos 23, Washington ganhou de Thiago na corrida e chutou forte, sem chances de defesa para Calaça. Aos 36, Denis, que substituiu Dagoberto, aproveitou mais uma bobagem da zaga goiana e fechou a goleada: 6 a 0 para o Atlético-PR.

 

Gazeta Esportiva

Deixe seu Comentário

Leia Também

VITIMA DA COVID 19
Cantor morre de covid-19 após sogro e sogra; esposa está em isolamento
CAOS NA SAUDE
MT está perdendo a guerra para o coronavírus; nós subestimamos a doença
TRAGEDIA NO CONDOMÍNIO
Adolescente que matou amiga treina tiro esportiva há 3 anos com o pai
VIOLENCIA DOMESTICA
Mulher tem rosto desfigurado após ser agredida e pisoteada pelo marido bêbado
CORONAVIRUS AVANÇA
Brasil tem 72.234 mortes por Covid-19, segundo consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
BONITO - DICAS AGÊNCIA
Como fazer Snorkel em Bonito MS, o que ver, o que fazer e o que não!
PANDEMIA CORONAVIRUS
Filho de ex-jogador famoso vende geleias e não vê o pai há nove anos
SOB INVESTIGAÇÃO
Maria Aldenir lutou com assassino, mas viu a filha ser morta com 24 facadas
AVANÇO DA PANDEMIA
Mais 903 casos e 33 mortes por coronavírus foram registrados em 24h em MT
BRASIL - 71.515 MORTES
Brasil tem 1.842.127 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h