Menu
SADER_FULL
quinta, 2 de dezembro de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

FNDE liberará recursos para reconstrução de Escola em Dourados

18 Dez 2009 - 11h05Por Fátima News, com Assessoria

Em reunião realizada na tarde da última quarta-feira, no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, em Brasília, o deputado Geraldo Resende, PMDB-MS, obteve garantias de que haverá um grande esforço para assegurar a liberação dos recursos necessários para conclusão da obra de
reconstrução da Escola Presidente Vargas.

A informação foi obtida durante o encontro entre o deputado e o diretor presidente do FNDE, Daniel Balaban. Geraldo entregou ao diretor um relatório contendo o histórico de toda a luta desenvolvida por ele, na condição de deputado federal e representante do povo de Dourados, para ver assegurados
os recursos que permitam a viabilidade da obra.

“Essa é uma luta da qual eu me orgulho muito. E ela começa em 2007 e só agora dá mostras de que vai acontecer de verdade”, argumenta o deputado. Ele faz questão de lembrar que a escola Presidente Vargas é uma das mais tradicionais de Dourados, por onde já passaram muitas e muitas gerações de estudantes que hoje são homens públicos, profissionais liberais, administradores, não só da região de Dourados, mas que estão espalhados por todo o Brasil.

“Eu mesmo fui aluno daquela instituição e posso assegurar o nível de excelência do ensino praticado ali. Não é justo, depois de tanto tempo de existência - são mais de 50 anos ajudando a formar bons cidadãos – ver a escola num estado deplorável de abandono, ameaçando inclusive a vida de
alunos, professores e funcionários”, critica o deputado.

Na última segunda-feira, Geraldo participou de um encontro que reuniu ex-professores, ex-diretores, ex-alunos, além de representantes da comunidade estudantil do Presidente Vargas, onde foi apresentado o projeto arquitetônico que deverá ser executado agora. O projeto foi feito pelo
arquiteto Ângelo Arruda, profissional campograndense reconhecido em todo o país pela qualidade do seu trabalho.

De acordo com a proposta, toda a fachada será preservada em suas características originais. Mas haverá uma grande demolição das partes comprometidas e a reconstrução vai garantir mais salas de aula, melhor aproveitamento estrutural do terreno e mais conforto e segurança para todos
que freqüentam a escola.

O diretor Daniel Balaban mostrou-se comprometido em liberar mais recursos para a conclusão definitiva da obra. De acordo com o projeto, a reconstrução do Presidente Vargas deverá custar R$ 4,2 milhões. Desse total, já estão assegurados R$ 1,5 milhão, graças ao esforço conjunto dos deputados Geraldo Resende e Waldemir Moka, que apresentaram emendas individuis de R$ 750 mil ao Orçamento Geral da União, cada um.

Leia Também

DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança
TRAGÉDIA NA LINHA DO TREM
vítima comemorou aniversário do marido um dia antes de morrer com a filha em acidente com trem
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça