Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 5 de julho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Ferrari defende redução de velocidade na F-1

6 Jul 2004 - 10h16
O diretor-técnico da Ferrari, Ross Brawn, afirmou nesta terça-feira que a equipe é a favor da redução de velocidade dos carros da Fórmula 1, proposta por Max Mosley, presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA). Para Mosley, a categoria está muito perigosa e os acidentes de Felipe Massa no Canadá e Ralf Schumacher nos Estados Unidos seriam uma prova disso. Brawn concorda com as mudanças, desde que sejam confirmadas em breve.

"Certamente nós podemos fazer isso. Queremos diminuir a velocidade dos carros de uma maneira que não dê vantagem para nenhuma equipe específica. Mas as mudanças precisam ser feitas logo, antes que seja tarde demais, porque é algo bastante caro", declarou Brawn.

Já o hexacampeão mundial Michael Schumacher disse que não acha necessário reduzir a velocidade dos carros. "Não podemos ignorar o acidente de Ralf, mas a velocidade dos carros não é o problema, não atingimos a zona de perigo. Acho que reduzir a velocidade irá afetar o progresso da tecnologia", opinou o alemão.

A FIA irá apresentar oficialmente as suas propostas nesta quarta-feira e os técnicos das equipes terão dois meses para analisá-las. Após este prazo, as escuderias e a FIA poderão entrar em acordo, mas Mosley declarou na última semana que as mudanças serão impostas pela entidade se não houver consenso. Para reduzir a velocidade dos carros, a FIA pretende restringir o número de jogos de pneus por corrida e o uso do mesmo motor por duas etapas.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

TERMPESTADE
Região sul deve ser atingida por outro fenômeno menos devastador que o Ciclone Bomba
LIVE
Mulher de Fábio Porchat aparece pelada em live com Guilherme Boulos
VITIMA DA COVID 19
Antes de morrer de covid-19, jovem manda áudio: ‘Vão desligar os aparelhos’
BRASIL - 64.265 MORTES
Brasil tem 1.577.004 casos de covid-19 diagnosticados
ELEIÇÃO MUNICIPAL 2020
Campanha eleitoral de 2020 deve ser proibido comícios e aglomerações
MORTES POR COVI-19
Mãe e filha morrem vítimas da Covid-19 em intervalo de três dias
PREVENÇÃO COVID 19
Giovanna Antonelli viraliza ao mostrar truque para evitar contaminação
FEMINICÍDIO
Marido é preso após matar mulher asfixiada e na fuga causa acidente de carro e deixa 08 feridos
BORA PRA BONITO - MS - REABERTO
Hotel Águas de Bonito reabre com segurança e estrutura proporcionada para o aconchego em Bonito (MS)
BRASIL - 62.045 MORTES
Brasil passa de 62 mil mortes pelo novo coronavírus