Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 20 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Felipão vai para o Fluminense, diz jornal português

18 Mar 2011 - 18h06Por Gazeta Esportiva

Em sua edição desta quinta-feira (17), o jornal português O Jogo afirma que o Fluminense vai anunciar Luiz Felipe Scolari nos próximos dias. Segundo a publicação, o Sporting de Lisboa queria o ex-treinador da seleção de Portugal, mas desistiu após saber que Felipão aceitou uma proposta milionária do Tricolor para deixar o Palmeiras. 

Esta informação, no entanto, não foi confirmada por nenhuma das partes. Aliás, o Fluminense segue sem anunciar seu comandante e, a cada dia que passa, aumenta a tensão por conta do confronto da próxima semana diante do América do México, pela Copa Libertadores da América. 

O fato aproxima ainda mais Adilson Batista - atualmente sem clube e opção mais fácil de ser viabilizada - das Laranjeiras. Adilson não é a primeira opção nem para Celso Barros, presidente da Unimed, principal patrocinadora do clube, nem para o presidente Peter Siemsen, tanto que ainda não foi procurado pelo Fluminense para abrir negociações. 

O primeiro nome da lista de Siemsen é Dorival Júnior, atualmente no Atlético-MG. Porém, o clube mineiro não abre mão da multa rescisória e por isso mesmo o técnico que comandou o retorno do Vasco à elite do futebol nacional e o Santos na conquista da Copa do Brasil de 2010 foi descartado. O mesmo vale para Renato Gaúcho, que vive situação confortável no Grêmio e que vai permanecer no Estádio Olímpico, mesmo contando com a simpatia de Celso Barros. Porém o preferido do presidente da Unimed é Abel Braga, que tem contrato com o Al-Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, até maio. 

O treinador acenou positivamente com a possibilidade de retornar para as Laranjeiras, onde conquistou o título carioca de 2005. Porém, Siemsen considera que não dá para esperar tanto tempo para anunciar um treinador, haja vista que na próxima semana o Fluminense tem um jogo decisivo pela Copa Libertadores, sua principal competição no ano. 

Nome disponível no mercado, Caio Júnior, de saída do Al Gharafa, do Catar, foi descartado pelo presidente do clube. O treinador teve problemas de relacionamento com o preparador físico Ronaldo Torres, que foi mantido mesmo com a demissão de Muricy Ramalho e que ganhou muito prestígio com o presidente do Fluminense por ter aceitado dirigir o time interinamente no confronto do próximo sábado (19).

Deixe seu Comentário

Leia Também

SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério