Menu
SADER_FULL
terça, 15 de junho de 2021
Busca
Brasil

Federação aperta cerco contra os árbitros no Campeonato Paulista-2010

10 Nov 2009 - 09h39Por Folha Online

A comissão de arbitragem da Federação Paulista de Futebol vai fechar o cerco em relação a possíveis erros que venham a ocorrer no Paulista-2010.

Para evitá-los, vai antecipar em dois meses o treinamento dos árbitros e aplicará testes físicos bimestrais, e não mais semestrais. Caso os erros surjam, a comissão criou um "banco de reservas" com cinco árbitros e dez auxiliares, que substituirão aqueles que forem afastados.

"Estamos oferecendo condições para que estes árbitros atuem de forma melhor. Agora a gente vai exigir mais. Quem não cumprir as determinações e orientações, será afastado por deficiência técnica", disse ontem o coronel Marcos Marinho, chefe da arbitragem paulista, no conselho arbitral da federação, que reuniu representantes dos 20 clubes da primeira divisão paulista e definiu a tabela do campeonato.

A preparação física e técnica dos árbitros deve começar nos próximos dias. "O treinamento vai ser mais rigoroso. Se houver erros bobos [de arbitragem], nós vamos tirar [o árbitro da competição]", disse.

Em dezembro, os árbitros passam por um teste na Fifa. Segundo Marinho, mesmo em caso de aprovação na entidade máxima, os árbitros terão de passar no teste da FPF. "O árbitro pode ser aprovado no teste da Fifa em dezembro, mas reprovado aqui em janeiro."

Para o Campeonato Paulista deste ano, a FPF já havia feito alterações para evitar os erros de arbitragem. Criou o trio de árbitros fixo e os proibiu de conceder entrevistas antes, durante ou após as partidas.

Em relação à disputa do campeonato, sua fórmula foi mantida: os 20 clubes se enfrentam na primeira fase e os quatro melhores fazem as semifinais. Apesar da Copa do Mundo, que começa no dia 11 de julho, o Campeonato Paulista será apenas cinco dias mais curto em relação à edição de 2009: começa no dia 17 de janeiro e termina no dia 2 de maio.

"É importante não mudar nada. Eu sou a favor de manter a fórmula durante muitos anos. O calendário internacional não nos permite mais nenhum espaço", disse o presidente da FPF, Marco Polo Del Nero.

A única alteração nítida foi em relação ao preço dos ingressos. Em todos os jogos, o clube mandante deverá cobrar o valor mínimo de R$ 30 e máximo de R$ 60 por um ingresso de arquibancada. Para cadeiras cobertas, o valor a ser cobrado é livre. Segundo Del Nero, a medida foi uma reivindicação dos clubes grandes.

"Quando vão jogar no interior, os clubes grandes reclamam que os mandantes cobram preços exorbitantes. Nós até entendemos que é um momento de eles [clubes pequenos] ganharem dinheiro. Mas os clubes poderão vender carnês e cobrar menos."

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado
ANTECIPAÇÃO
Governo antecipa pagamento de parcelas do auxílio emergencial
918d8b7fa56ee0a828ae4ad908fedeb3 ATENTADO AO PUDOR
Casal é flagrado fazendo sexo em plena praça pública no dia dos Namorados
TRAGEDIA NA RODOVIA
Jovem morre após desviar de buraco e cair com carro em córrego
+ AUMENTO
Gás de cozinha fica mais caro a partir desta segunda feira, 14
CÓDIGO DE TRÂNSITO
Mudanças no código de trânsito brasileiro e suas implicações para motoristas
ESPORTE PELO MUNDO
Em fase artilheira no Cazaquistão, lateral Bryan, ex-Cruzeiro, valoriza presença e relacionamento
FOTO: Só Notícias / Luan Cordeiro / ASSESSORIA COPA AMÉRICA 2021 - NO BRASIL
COPA AMÉRICA: Confira as 06 Seleções que jogarão na Arena Pantanal