Menu
SADER_FULL
terça, 7 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Famasul discute febre aftosa no Paraguai

24 Ago 2004 - 07h43
O presidente da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Léo Brito, acompanhará amanhã a reunião com autoridades de defesa sanitária animal brasileiras e paraguaias, no país vizinho, para confirmar se a doença que acometeu o rebanho do Paraguai é realmente a IBR ou se mais uma vez trata-se de febre aftosa. Também estarão presentes na reunião a CNA Confederação da Agricultura), Cindam (Conselho das Industrias), DFA (Delegacia Federal da Agricultura) e a Iagro.

A comitiva brasileira parte do Aeroporto Internacional de Campo Grande às 8 horas (a reunião esta marcada para às 10 horas em Pedro Juan Cabalero). Vários Sindicatos Rurais da fronteira de Mato Grosso do Sul e do do Paraguay, devem participar do encontro com autoridades do Paraguaias e Brasileiras.

Segundo Brito, existe uma expectativa muito grande de que o Paraguai finalmente sincronize as ações de defesa sanitária de uma forma transparente e que abra a fiscalização da fronteira. “Este será um evento decisivo para a sanidade do rebanho brasileiro. Acreditamos que as autoridades do Brasil e do Paraguai de forma definitiva decidirão que sobressaltos, sustos, não cabem numa pecuária moderna e numa relação comercial como a do mercosul”, afirma.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

PRESIDENTE NA LINHA
Bolsonaro está com sintomas de covid-19 e aguarda resultado de exame
CICLONE BOMBA
Efeitos do Ciclone: mais de 12 mil residências ainda estão sem energia elétrica
LIVE
Mulher de Porchat não foi a única: veja outros casos de nudez em lives
ECONOMIA
Nova gasolina a partir de agosto; combustível será mais caro, mas deixará veículos mais econômicos
SOS EDUCAÇÃO
Sem computador e sem dinheiro, alunos de baixa renda desistem do Enem
ENTREVISTA NO SBT
Roberto Cabrini traz entrevista exclusiva com Frederick Wassef nesta segunda
100 AULAS
Ensino Público vive "apagão" na pandemia com alunos sem acesso às aulas on-line
BRASIL - 64.909 MORTES
País soma 1.604.683 casos confirmados de Covid-19 e 64.909 mortes pela doença.
VACINA CONTRA COVID-19
Dose da vacina contra a Covid-19 poderá custar R$ 22
APLICATIVO - TECNOLOGIA
Como a Binomo Funciona no Modo App Em 130 Países, Inclusive para Residentes Brasileiros