Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 7 de dezembro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Ex-secretário de Saúde terá que devolver R$ 72 mil

9 Dez 2009 - 07h12Por Mídia Max

Na sessão da 1º Câmara do Tribunal de Contas do Mato Grosso do Sul (TCE/MS) realizada nesta terça-feira o conselheiro José Ricardo Pereira Cabral declarou irregular e ilegal a execução do contrato nº 20/2005, firmado entre a Secretaria do Estado de Saúde de MS e José Carpes. O conselheiro aplicou multa de 50 Uferms e determinou a devolução ao cofre estadual de R$ 72.600,00, pelo ex-secretário, Matias Gonsales Soares referente a despesas realizadas sem a regular liquidação da locação de imóvel situado na Avenida Brasil nº 1391.

De acordo com o relatório-voto do conselheiro “na documentação não consta regularidade no contrato em apreço, os comprovantes juntados não demonstram o equilíbrio exigido pela legislação que norteia as contratações públicas”. Os valores dos comprovantes são: valor total do contrato, R$ 58.189,73; total empenhado, R$ 133.802,17; ordem bancária, R$ 61.202,16; e ordem bancária-indenização, R$ 72.600,00. 

Segundo o conselheiro, “as despesas foram realizadas fora dos padrões exigidos pela contabilidade pública; os cálculos denotam que o valor executado não respeitou os limites da contratação, com isso parte da despesa foi realizada sem cobertura contratual”, justifica.

O ex-secretário foi notificado e “não se mostrou o real motivo do montante despendido, valor este que, sem a equivalente liquidação, deve ser restituído ao cofre público”, explica.

Gonsales recebeu multa de 50 Uferms, por grave infração as normas que norteiam à administração pública e pelo não encaminhamento de documentos sujeitos a apreciação pela Corte de Contas. Após publicação no Diário Oficial do Estado, o gestor poderá entrar com pedido de revisão ou reconsideração de acordo com o processo.

Leia Também

SONHO DA MATERNIDADE
Servidora Pública perde marido para a Covid, mas realiza sonho e dá à luz trigêmeos
LIÇÕES DA BIBLIA
O céu dos céus
covid_04.12 COVID NO BRASIL
Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Deuteronômio em escritos posteriores
ABUSO DE AUTORIDADE
PM arrasta homem negro algemado em moto; "Como na escravidão", diz gravação
REVOLTANTE
Índia de 13 anos violentada pelo avô busca ajuda e acaba estuprada por 4 em unidade saúde
DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança