Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 22 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Ex-detento é ferido a tiros na praça central de Coronel Sapucaia

31 Jan 2011 - 08h15Por A gazeta News

O ex-detento, Ramão de Souza da Silva, de 26 anos, foi ferido com vários tiros quando transitava de carro pelo centro da cidade, na noite desse domingo (30) em Coronel Sapucaia, na fronteira com o Paraguaio.

De acordo com a Polícia Militar, Ramão, que em dezembro de 2008 foi preso pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira) acusado de envolvimento com uma quadrilha especializada em roubar caminhões na região de Sete Quedas, também na fronteira com o Paraguai, transitava pela Avenida Flávio Derzi abordo de um veículo Volkswagen Bora, cor verde, placas DBV 1499 de Naviraí-MS e ao passar pela região da Praça Fortunato de Oliveira, na linha internacional que separa Brasil e Paraguai, foi alvejado por vários disparos de pistola calibre 9mm, efetuados por um indivíduo abordo de uma motocicleta, que fugiu do local após praticar a tentativa de homicídio sem ser identificado.

Segundo a PM, o rapaz, que estaria em liberdade condicional, teria sido alvejado por pelo menos quatro disparos nos braços, ombro e um no rosto, região da boca.

Ele foi socorrido para o Hospital Regional de Amambai, onde recebeu atendimento de emergência e ainda na noite desse domingo foi encaminhado para um hospital com maiores recursos médicos.

Crime em Sete Quedas

Quando foi preso pelo DOF em Sete Quedas, no final do ano de 2008, Ramão de Souza da Silva estava de posse de uma motocicleta Yamaha YBR de cor vermelha, mas nos documentos constava ser preta, com placa do Paraná.

Segundo a polícia a moto havia sido furtada em outubro do mesmo ano na cidade de Toledo no Paraná e na época o rapaz acabou autuado em fragrante pelo crime de receptação.

Segundo levantamentos realizados pelo Departamento de Operações de Fronteira e pela Polícia Civil de Sete Quedas na época, Ramão da Silva, residente na Vila Nova em Coronel Sapucaia, integrava uma quadrilha especializada em roubo de caminhões que agia naquela região da fronteira.

De acordo com o DOF, Ramão seria o responsável em atrair os motoristas, geralmente contratados na região central do Estado em Mato Grosso do Sul e no estado do Paraná para realização de fretes fictícios, para emboscadas em território paraguaio, onde os motoristas eram rendidos e os veículos de carga levados pelo bando.

De acordo com a polícia, no dia que foi preso, Ramão estava prestes a levar para a emboscada, um caminhoneiro de 80 anos, residente em Guaíra no Paraná. O caminhoneiro havia sido atraído pela quadrilha para a região de Sete Quedas para buscar uma suposta mudança.

Deixe seu Comentário

Leia Também

HOMICIDIO X SUICÍDIO
Marido mata esposa e tira própria vida; criança de 3 anos pede socorro a vizinho
NEGLIGÊNCIA
Criança de 2 anos ao volante mata prima de 3 anos atropelada
CARROS SEMINOVOS
Como fazer uma boa escolha de veículos seminovos
LUTO NA TV
Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos, vítima de câncer
EM DECLINIO
Covid-19: Brasil registra 21,2 milhões de casos e 590,7 mil mortes
TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas