Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 3 de junho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Estudo aponta que uso de Viagra pode levar à perda de audição

25 Mai 2010 - 13h14Por Portal Educação

Homens que fazem o uso de remédios de disfunção erétil, como Cialis e Levitra, têm chances duas vezes maiores de ter riscos de perda da audição em longo prazo. O resultado foi indicado por meio do estudo da universidade do Alabama, nos Estados Unidos.

Os pesquisadores observaram os resultados de mais de 11,5 mil casos de homens com mais de 40 anos. “A partir dessas descobertas, parece que a advertência atual do governo (americano) sobre perda de audição e uso de medicamentos PDE-5i (inibidores da fosfodiesterase do tipo 5) é pertinente”, afirmou o autor do estudo, Gerald McGwin.

Essa pesquisa é a primeira a avaliar a relação entre o uso destas drogas e a perda de audição em longo prazo. “Como ocorre com boa parte dos medicamentos, efeitos adversos somente são descobertos após vários anos no mercado. Esse caso não foi diferente. Apesar de ser indicado em situações restritas, o Sildenafil (Viagra) é campeão de vendas entre medicamentos, o que mostra que o uso indiscriminado tende a favorecer o aparecimento de efeitos indesejados”, aponta o tutor do Portal Educação, farmacêutico Ronaldo de Jesus Costa.

De acordo com pesquisador, a relação entre o uso de medicamentos e a perda de audição é mais evidente em homens que usam drogas à base de Sildenafil do que Tadalafil (Cialis) ou Vardenafil (Levitra). O farmacêutico explica que o Viagra, Cialis e Levitra possuem estruturas químicas semelhantes e, assim, não seria surpresa se os demais medicamentos para disfunção erétil também apresentassem estatísticas elevadas de aumento de perda de audição caso também possuíssem um consumo tão elevado quanto o Sildenafil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COISA MEDONHA
Mulher é desenterrada e estuprada um dia após ser sepultada
DOURADOS - NOVO EPICENTRO COVID-19
Dourados é novo epicentro do coronavírus em MS com mais de 300 casos confirmados
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 9 anos, acidentalmente mata irmã de 7 anos com espingarda
TRAGEDIA NA RODOVIA
Mulher gravida e marido morrem e criança fica ferida em acidente trágico
PANDEMIA CORONAVIROS
Vai ser ''um massacre'', diz ex-diretor da Saúde sobre flexibilizar isolamento
BOA NOTICIA
Bolsonaro diz que auxilio emergencial pode ter quarta parcela, mas pagando menos
PRAZO MÁXIMO
Acordo prevê máximo de 20 dias para análise de auxílio emergencial
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
BOLETIM: Fátima do Sul tem mais 04 casos confirmados, sobe para 69 e tem 12 pacientes recuperados