Menu
SADER_FULL
segunda, 10 de agosto de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
Brasil

Estudantes tem até dia 31 para renovar contratos do Fies

14 Mar 2007 - 09h28
Alunos de cursos de graduação que pagam parte de seus estudos com recursos do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) têm prazo até 31 de março para renovar os contratos relativos ao primeiro semestre. A renovação é obrigatória para aqueles que desejam continuar recebendo o financiamento da Caixa Econômica Federal.

Cerca de 165 mil estudantes devem fazer a renovação. Ela será simplificada se o estudante não tiver feito alterações no documento firmado com a Caixa no segundo semestre de 2006. Nesse caso, basta ir à faculdade na qual estuda e assiná-la. Em caso de mudanças no cadastro, o aluno deve obter, na faculdade, o documento Regularidade de Matrícula e ir diretamente à Caixa, acompanhado dos fiadores. Se for casado, também é necessária a presença do cônjuge.

Para efeito de renovação, são consideradas mudanças no contrato a alteração do CPF ou do estado civil do estudante ou de seus fiadores; a troca de fiador; a redução do percentual do prazo de financiamento; a modificação no valor do limite do crédito global; a restrição cadastral do aluno, do cônjuge ou dos fiadores; a parcela trimestral de juros em atraso e a alteração no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) da mantenedora da instituição de ensino.

Para ingressar e se manter no Fies, o estudante deve estar regularmente matriculado em instituição de ensino superior privada, cadastrada no fundo e com avaliação positiva do Ministério da Educação. Durante o curso, ele paga diretamente à instituição a parcela da mensalidade não coberta pelo Fies. A cada três meses, quita uma parcela dos juros, no valor de R$ 50. A parcela trimestral dos juros é abatida do saldo devedor.

No segundo semestre de 2006, a taxa de juros, que é fixa, caiu de 9% para 6,5% ao ano. Para os alunos de licenciaturas, pedagogia, normal superior e dos cursos tecnológicos registrados no cadastro do Ministério da Educação, a taxa foi reduzida de 9% para 3,5% ao ano - descontada a inflação anual, representa juro zero.

O estudante pode obter mais informações pelos telefones 0800 61-6161 ou 0800 574-0101.
 
 
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Entenda como o Paraguai tem 66 mortes por Covid-19 e o que MS deveria aprender
AUXILIO EMERGENCIAL
Apesar da falta de recursos, governo avalia prorrogar Auxílio Emergencial
OPORTUNIDADE NO MS
JBS oferece 600 vagas de emprego em 6 cidades de MS
VACINA COVID 19
Bolsonaro diz que vacina contra covid deverá estar disponível em dezembro
FALSIFICAÇÃO
Nota falsa de R$ 200 começa a circular
REABERTURA DO COMÉRCIO
Brasil e Paraguai podem reabrir comércio na fronteira em 10 dias, diz ministro
REINFECÇÃO EM ALERTA
Novo coronavírus tem segundas novas ondas de reinfecção e acendem sinal de alerta
FÁTIMA DO SUL - DICA CIA DO BICHO
Saiba o que são rações terapêuticas, Cia do Bicho destaca vários tipos, confira
BRASIL - 96.326 MORTES
Brasil tem 2.817.473 casos de Covid-19, indica consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
EXPLOSÃO EM BEIRUTE
Libanês se emociona e diz: Parecia uma bomba atômica, que acabou com tudo