Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 28 de fevereiro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Estudante terena de 18 anos é eleita Miss Indígena 2011

19 Abr 2011 - 17h45

 

A estudante terena Suzeth Martins Freitas, de 18 anos, moradora na aldeia Jaguapiru, foi eleita miss indígena 2011. O concurso, realizado na noite de ontem, faz parte da programação em comemoração ao Dia do Índio, elaborada pelo Núcleo de Assuntos Indígenas da Prefeitura de Dourados e pela Unigran.

O prefeito de Dourados Murilo Zauith prestigiou a escolha da mais bela índia de Dourados, que
aconteceu no salão de eventos da Unigran. Além do concurso, a programação inclui seminário, ação social, apresentações culturais, recreação, jogos, cinema, música, torneios, exposição e palestra.

A escolha da Miss Indígena é aguardada sempre com muita expectativa por parte da comunidade das aldeias Jaguapiru, Bororó e Panambizinho. Neste ano, oito jovens índias disputaram o título.

A primeira colocada recebeu a premiação das mãos do prefeito Murilo Zauith. A segunda colocada foi Edna Aêdo Jerônimo e a terceira Talita Ramos Machado.

Para eleger as três garotas foi criado um corpo de jurados formado por seis pessoas, sendo três indígenas e três não índios. Os jurados avaliaram quesitos como beleza corporal, simpatia, atuação na passarela, beleza/estética intercultural e cultura/costume/tradição. As candidatas fizeram duas apresentações aos jurados, sendo uma com traje social e outra com trajes típicos de suas respectivas etnias.

Suzeth Martins Freitas, a vencedora do concurso, tem 1,65 de altura e pesa 56 quilos. Pratica futebol, é torcedora do Santos e gosta de música gospel.

Edna Jerônimo, segunda colocada, é filha de pai terena e mãe guarani. Tem 18 anos, 1,65 de altura e pesa 50 kg. Pratica vôlei, gosta de sertanejo e também é torcedora do Santos.

A terceira colocada Talita Machado é terena, tem 19 anos, 1,60 de altura e 52 quilos. É torcedora do Corinthians.

Apresentações
O público que lotou completamente o salão de eventos da universidade assistiu ainda a uma palestra e várias apresentações de artistas índios, principalmente na área musical, e conheceu um pouco da cultura indígena através de danças típicas.

A palestra “Identidade, Estética e Performance Intercultural” foi proferida por Almires Martins Machado, índio guarani-terena, graduado em direito pela Unigran, mestre em direitos humanos e doutorando em antropologia pela Universidade Federal do Pará.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CARCERE PRIVADO
Homem é preso por cárcere privado e violência doméstica após mulher pedir socorro com foto nas redes
NOVO AUXILIO
Presidente afirma Auxílio emergencial deve voltar em março, com parcelas de R$ 250
ALERTA EPIDEMIOLÓGICO
Covid-19: Brasil registra 1.541 mortes em 24 horas
MUNDO DO CRIME
Após morrer de Covid-19 no mesmo dia, casal tem oficina invadida e furtada
TRISTEZA NA FAMILIA
Pai e filho morrem de Covid-19 com poucas horas de diferença
CNH GRÁTIS
CNH Grátis: 8 mil carteiras gratuitas liberadas pelo DETRAN; inscreva-se
FINAL DA COPA DO BRASIL
Quem será o campeão da Copa do Brasil?
DIVIDA PÚBLICA
Dívida pública sobe em janeiro e atinge R$ 5,06 trilhões
ALÔ NAÇÃO RUBRO-NEGRA
VÍDEO: 'Jorge' o Urubu queridinho de Culturama viraliza nas redes sociais da Nação Rubro-Negra
LOCKDOWN
Com explosão de casos de covid, e 14 deputados infectados A. Legislativa volta a fechar as portas