Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 24 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Estados Unidos estudam aplicar novas sanções contra a Síria

26 Abr 2011 - 10h16Por Agência Brasil

Os Estados Unidos estão analisando a possibilidade de aplicar novas sanções contra a Síria em razão do que descrevem como “violência brutal” contra manifestantes, disse nesta segunda-feira um porta-voz da Casa Branca.

"Os Estados Unidos estão buscando uma série de opções possíveis, incluindo sanções", disse o porta-voz do Conselho de Segurança Nacional, Tommy Vietor.

"A violência brutal empregada pelo governo da Síria contra seu povo é completamente deplorável", acrescentou.

As sanções poderiam incluir o congelamento de ativos e a proibição de negócios com os Estados Unidos.

De acordo com Vietor, as novas sanções teriam o objetivo de responder à repressão do governo sírio contra os manifestantes e "deixar claro que esse comportamento é inaceitável". Na última sexta-feira, Obama já havia condenado o uso da força pelo governo sírio.

Os Estados Unidos já adotam uma série de sanções contra a Síria. Desde 2004, está proibida a exportação para a Síria de produtos que contenham mais de 10% de componentes manufaturados americanos. Em 2006, foram aplicadas sanções específicas contra o Banco Comercial da Síria.
Há ainda sanções específicas impedindo que determinados cidadãos e entidades da Síria tenham acesso ao sistema financeiro americano.

Os Estados Unidos suspeitam que pessoas e entidades incluídas nessas sanções tenham participação em atividades de proliferação de armas de destruição em massa, sejam associadas à rede Al-Qaeda e ao grupo Talebã ou participem de atividades com o objetivo de desestabilizar o Iraque e o Líbano.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro